Mu­seu do Dun­do ca­re­ce de qua­dros

Jornal de Angola - - CULTURA -

Três es­pe­ci­a­lis­tas for­ma­dos em Mu­se­o­lo­gia, Ar­que­o­lo­gia, Et­no­gra­fia, His­tó­ria Na­tu­ral e An­tro­po­lo­gia são ne­ces­sá­ri­os pa­ra a cons­ti­tui­ção do Conselho Ci­en­tí­fi­co do Mu­seu do Dun­do, Lun­da-Nor­te, de acor­do o es­ta­tu­to or­gâ­ni­co.

A in­for­ma­ção foi avan­ça­da on­tem, à An­gop, pe­lo di­rec­tor do mu­seu, Sér­gio Ilun­ga, re­al­çan­do que a si­tu­a­ção já foi re­la­ta­da aos ór­gãos de tu­te­la e a ins­ti­tui­ção aguar­da pe­la sua re­so­lu­ção, ten­do em con­ta a im­por­tân­cia que se im­põe.

Pa­ra o seu fun­ci­o­na­men­to ple­no, adi­an­tou, a ins­ti­tui­ção pre­ci­sa de re­cu­pe­ra­ção, em par­ti­cu­lar da Es­ta­ção Ar­que­o­ló­gi­ca de Ba­la-Ba­la, da Al­deia do Mu­seu e de ou­tros pro­jec­tos já ca­bi­men­ta­dos, as­sim co­mo da con­clu­são dos es­pa­ços pa­ra guar­dar gran­de par­te do acer­vo ain­da em de­pó­si­to.

Sér­gio Ilun­ga in­for­mou que ape­nas 800 pe­ças es­tão ex­pos­tas ao pú­bli­co pa­ra pro­mo­ção do tu­ris­mo cul­tu­ral, das mais de dez mil que com­põem o acer­vo, com­pos­to por más­ca­ras, ar­ti­gos ar­te­sa­nais e in­dus­tri­ais. “O res­to do acer­vo não es­tá ex­pos­to por fal­ta de es­pa­ços”, la­men­ta.

Qu­an­to às fi­gu­ras his­tó­ri­cas e ou­tros ar­te­fac­tos li­ga­dos à his­tó­ria lo­cal, dis­se es­tar a ser fei­to um tra­ba­lho de in­ves­ti­ga­ção à fi­gu­ra do Ke­len­den­de, um dos ho­mens que aju­dou a tra­var os in­va­so­res co­lo­ni­ais na re­gião do Ló­vua.

“Exis­te igual­men­te um pro­jec­to so­ci­o­cul­tu­ral em de­sen­vol­vi­men­to no mu­seu, em par­ce­ria com dis­tin­tas en­ti­da­des uni­ver­si­tá­ri­as, na­ci­o­nais e es­tran­gei­ras, pa­ra a in­ves­ti­ga­ção e ele­va­ção de So­na a Pa­tri­mó­nio Mun­di­al”, re­ma­tou.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.