Pa­lan­cas exi­gem pré­mi­os da CAF

Jornal de Angola - - PRIMEIRA PÁGINA - An­tó­nio de Bri­to

Ape­sar de re­le­ga­do pa­ra a II Di­vi­são e o Pro­vin­ci­al de Lu­an­da, por ori­en­ta­ção da Fe­de­ra­ção In­ter­na­ci­o­nal do Fu­te­bol As­so­ci­a­do (FIFA), de­vi­do aos atra­sos nos pa­ga­men­tos da dí­vi­da com Ri­val­do e Mpu­tu Ma­bi, a di­rec­ção do Ka­bus­corp do Pa­lan­ca con­fir­mou a par­ti­ci­pa­ção da equi­pa na pró­xi­ma edi­ção da Ta­ça da Con­fe­de­ra­ção Afri­ca­na de Fu­te­bol (CAF), em con­sequên­cia do quar­to lu­gar al­can­ça­do no Gi­ra­bo­la 2018/19.

En­tre­vis­ta­do pe­la TV Zim­bo, Ben­to Kangamba, pre­si­den­te de di­rec­ção da for­ma­ção do bair­ro Pa­lan­ca, re­fe­riu que in­de­pen­den­te­men­te dos pro­ble­mas que o clu­be es­tá a vi­ver, nun­ca ex­cluiu a par­ti­ci­pa­ção da equi­pa na Ta­ça CAF.”O Ka­bus­corp não vai fa­lhar a dis­pu­ta da Ta­ça CAF.Va­mos a es­ta com­pe­ti­ção por mé­ri­to pró­prio. Es­ta­mos a tra­tar da for­ma­li­za­ção da pre­sen­ça da equi­pa no tor­neio com a CAF. Apro­vei­to a opor­tu­ni­da­de pa­ra tran­qui­li­zar a nos­sa mas­sa as­so­ci­a­ti­va”, sa­li­en­tou o di­ri­gen­te des­por­ti­vo.

Nas com­pe­ti­ções sob a égi­de do ór­gão rei­tor do fu­te­bol con­ti­nen­tal, o Ka­bus­corp com­pe­te pe­la se­gun­da vez, de­pois de já ter es­ta­do na Li­ga dos Clu­bes Cam­peões Afri­ca­nos, após a con­quis­ta do tí­tu­lo do Gi­ra­bo­la em 2013, sob a ba­tu­ta téc­ni­ca do búl­ga­ro Edou­ard An­tra­nik.

Abor­da­do so­bre a com­po­nen­te fi­nan­cei­ra, Ben­to Kangamba as­se­gu­rou que es­tá acau­te­la­da, su­bli­nhan­do que a cam­pa­nha do Ka­bus­corp do Pa­lan­ca nas Afro­ta­ças de­ve ron­dar os dois mi­lhões de dó­la­res. “Es­te é o or­ça­men­to ela­bo­ra­do, com o ob­jec­ti­vo de pres­ti­gi­ar­mos o país na com­pe­ti­ção. Que­re­mos atin­gir a fa­se de gru­pos da Ta­ça CAF”, ga­ran­tiu aos jor­na­lis­tas.

Em re­la­ção às en­tra­das e saí­das de jo­ga­do­res, o pro­pri­e­tá­rio do Ka­bus­corp fe­chou-se em co­pas, e nem se­quer co­men­tou a con­ti­nui­da­de ou não do téc­ni­co por­tu­guês Paulo Tor­res.

Cren­te na con­ti­nui­da­de

Du­ran­te a con­ver­sa na es­ta­ção te­le­vi­si­va, Ben­to Kangamba ga­ran­tiu que o Ka­bus­corp vai con­ti­nu­ar no Gi­ra­bo­la, por­que re­cor­reu da san­ção apli­ca­da pe­la FIFA.”O tri­bu­nal vai pro­nun­ci­ar-se nos pró­xi­mos di­as so­bre o re­cur­so in­ter­pos­to. Es­tou tran­qui­lo, con­fio nos ór­gãos de jus­ti­ça. Pen­so que vai pre­va­le­cer o bom sen­so”.

Ca­so ga­nhe a cau­sa, Ben­to Kangamba re­fe­riu que “a FAF po­de ser pe­na­li­za­da pe­la FIFA e obri­ga­da a in­dem­ni­zar o clu­be. Em ne­nhum mo­men­to ti­ve­mos o au­xí­lio da fe­de­ra­ção. Não fo­mos ti­dos nem acha­dos. As in­for­ma­ções che­ga­vam-nos atra­vés da im­pren­sa”, de­sa­ba­fou.

CONTREIRAS PIPA | EDIÇÕES NO­VEM­BRO

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.