Ser­vi­ço de Bom­bei­ros for­ma mais 114 efec­ti­vos

Jornal de Angola - - SOCIEDADE - Hel­ma Reis |

Cen­to e ca­tor­ze efec­ti­vos do Ser­vi­ço de Pro­tec­ção Ci­vil e Bom­bei­ros ter­mi­na­ram, com su­ces­so, a pri­mei­ra fa­se dos cur­sos de In­ves­ti­ga­ção de Cau­sas de In­cên­di­os e Ope­ra­ções com Ma­té­ri­as Pe­ri­go­sas - Ní­vel II e Rá­dio Co­mu­ni­ca­ção.

Os cur­sos, com iní­cio em Fe­ve­rei­ro úl­ti­mo, ti­ve­ram uma du­ra­ção de 690 ho­ras, du­ran­te as quais os for­man­dos fre­quen­ta­ram au­las teó­ri­cas e prá­ti­cas, mi­nis­tra­das por pro­fes­so­res cu­ba­nos e an­go­la­nos, en­qua­dra­das nas vá­ri­as ac­ções for­ma­ti­vas que a ins­ti­tui­ção tem le­va­do a ca­bo.

Des­te nú­me­ro de for­man­dos, 13 são mu­lhe­res que, abra­ça­ram a es­pe­ci­a­li­da­de de Rá­dio Co­mu­ni­ca­ção, co­mo é o ca­so de Es­me­ral­da Sal­guei­ra, do pos­to Co­man­do Pro­vin­ci­al de Lu­an­da do Ser­vi­ço de Pro­tec­ção Ci­vil e Bom­bei­ros. Es­me­ral­da, com uma cer­ta emo­ção, con­si­de­rou uma mais-va­lia, pois vai per­mi­tir que ha­ja mai­or flui­dez en­tre a área de co­mu­ni­ca­ção e o pos­to de in­ter­ven­ção.

“Ape­sar das di­fi­cul­da­des que pas­sa­mos, ao lon­go da nos­sa es­pe­ci­a­li­za­ção, acre­di­ta­mos, nós, que te­re­mos di­as me­lho­res, na­qui­lo que a so­ci­e­da­de es­pe­ra em ter­mos de ac­tu­a­ção dos es­pe­ci­a­lis­tas do Ser­vi­ço de Pro­tec­ção Ci­vil e Bom­bei­ros com dis­po­ni­bi­li­da­de de for­ma­do­res cu­ba­nos e an­go­la­nos.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.