Jor­na­lis­ta Jo­sé Xa­vi­er en­con­tra­do mor­to em ca­sa

Jornal de Angola - - PRIMEIRA PÁGINA -

O an­ti­go di­rec­tor de In­for­ma­ção da Agên­cia An­go­la Press (An­gop) Jo­sé Edu­ar­do de Oli­vei­ra Xa­vi­er foi on­tem en­con­tra­do mor­to, em ca­sa, por ra­zões ain­da des­co­nhe­ci­das, no bair­ro Dun­ga, ar­re­do­res da ci­da­de do Uíge, se­de ca­pi­tal da pro­vín­cia.

Uma vi­zi­nha con­tac­ta­da on­tem pe­la An­gop, deu a co­nhe­cer que no­tou a au­sên­cia de Edu­ar­do Xa­vi­er des­de sex­ta-fei­ra, su­pon­do que es­ti­ves­se au­sen­te da pro­vín­cia ou em ca­sa de al­gum fa­mi­li­ar.

O Ser­vi­ço de In­ves­ti­ga­ção Cri­mi­nal (SIC) dis­se que es­tá a tra­ba­lhar no sen­ti­do de apu­rar as cau­sas que es­tão por de­trás da mor­te do jor­na­lis­ta re­for­ma­do da An­gop, que per­de a vi­da aos 65 anos.

O cor­po do ma­lo­gra­do foi re­mo­vi­do por agen­tes do Ser­vi­ço de Pro­tec­ção Ci­vil e Bom­bei­ros (SPCB) e de In­ves­ti­ga­ção Cri­mi­nal (SIC) e de­po­si­ta­do na mor­gue do Hos­pi­tal Pro­vin­ci­al do Uíge.

Jo­sé Edu­ar­do de Oli­vei­ra Xa­vi­er, nas­ci­do no mu­ni­cí­pio da Dam­ba, em 1954, era li­cen­ci­a­do em Ci­ên­ci­as da Co­mu­ni­ca­ção, for­ma­ção fei­ta em Por­tu­gal. Já exer­ceu, en­tre ou­tras fun­ções, o car­go de de­le­ga­do da An­gop no Uíge, di­rec­tor de In­for­ma­ção da Agên­cia e de­le­ga­do do Mi­nis­té­rio da Co­mu­ni­ca­ção So­ci­al na pro­vín­cia do Uíge.

DR

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.