BAI e BMA emi­tem Vi­sa

Cli­en­tes com sa­lá­ri­os do­mi­ci­li­a­dos es­tão a be­ne­fi­car de car­tões

Jornal de Economia & Financas - - Finanças -

Os cli­en­tes com sa­lá­ri­os do­mi­ci­li­a­dos nos ban­cos BAI e BMA têm, nes­te mo­men­to, aces­so fa­ci­li­ta­do à emis­são nor­mal de car­tões Vi­sa de dé­bi­to in­ter­na­ci­o­nal.

Ao que sou­be es­te jor­nal jun­to de fon­tes dos ban­cos, em me­nos de uma semana, os in­te­res­sa­dos desde que jus­ti­fi­quem a vi­a­gem para o ex­te­ri­or, por via de bi­lhe­tes de pas­sa­gem e vis­tos, para des­ti­nos com tal exi­gên­cia, po­dem emi­tir os car­tões e evi­tam tam­bém as lon­gas es­pe­ras de pla­fonds para com­pra de mo­e­da.

Os ban­cá­ri­os di­zem que, fa­ce aos últimos ins­tru­ti­vos do Ban­co Na­ci­o­nal de An­go­la (BNA) sobre as co­mis­sões nas ope­ra­ções com o ex­te­ri­or e nor­ma­li­za­do oa­ces­so da ban­ca às di­vi­sas, se faz ne­ces­sá­rio au­men­tar o vo­lu­me de tran­sac­ções com car­tões no ex­te­ri­or. A me­di­da di­mi­nui a ci­er­cu­la­ção de no­tas e dá sem­pre um cer­to lu­cro ao ban­co, que co­bra em car­tões de dé­bi­to 2,00 no car­re­ga­men­to, 3,00 no le­van­ta­men­to e 3,00 em com­pras ou pa­ga­men­tos.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.