Jornal de Economia & Financas : 2019-06-07

Infra-estrutura : 23 : 23

Infra-estrutura

23 INFRA-ESTRUTURA SEXTA-FEIRA, 7 DE JUNHO DE 2019 DISTRIBUIÇ­ÃO F EF «HVB *34&" QBTTBSÈ mentos Públicos (PIP). Em relação à subestação, inaugurada quarta-feira, o ministro disse que perto de 25 mil famílias do bairro Belo Monte, em Cacuaco, começam a partir desta quarta-feira a beneficiar do fornecimen­to de energia eléctrica da rede pública. Com capacidade de 50 KVA, a subestação vai abastecer 59 postos de transforma­ção de electricid­ade (PT) e surge no projecto das nove subestaçõe­s previstas, financiada pela Linha de Crédito da China (LCC). No conjunto de infra-estruturas, prevê-se igualmente a montagem de um total de mil postes de transforma­ção, linhas de transporte e distribuiç­ão de energia eléctrica. Referiu que no sub-sector da energia, em diferentes localidade­s do Norte, Centro, Sul e Leste do país, constata-se a execução de empreitada­s, de linhas de alta tensão de subestaçõe­s, do aproveitam­ento hidroeléct­rico de Caculo Cabaça, da central de Ciclo Combinado do soyo, dentre outras obras, avaliadas em mais de três mil milhões de dólares. A cerimónia de inauguraçã­o da subestação de energia de Belo Monte contou com a presença do vice-presidente do Comité Permanente da Assembleia Popular Nacional da China, Wang Chen, e e outras personalid­ades. EF GJOBOÎBT OÞNFSP EF Luanda terá mais OLJDo}HV HOpFWULFDV QÞCMJDBT F QSJWBEBT BCPSEPV Cerca de três mil ligações domiciliar­es serão feitas até o Agosto próximos A província de Luanda contará com 300 mil ligações domiciliar­es até Agosto próximo, contribuin­do deste modo na melhoria da qualidade de vida de mais de dois milhões e 500 cidadãos, afirmou na quarta-feira última o ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges. Segundo o governante, que falava no acto inaugural de uma subestação de 60/15 KV, no bairro Belo Monte, município de Cacuaco, as 300 mil ligações, iniciadas em finais de 2017, estão inseridas no Programa de Desenvolvi­mento Nacional (PDN)-2018/2022, do Executivo angolano. “Na província de Luanda, a conclusão do projecto em que se insere esta subestação e outras em fase de conclusão, contará com a execução de 300 mil ligações domiciliar­es”, informou. A empreitada foi adjudicada à Sinohydro Corporatio­n Limited, por via de um contrato que envolve a Empresa Nacional de Distribuiç­ão de Electricid­ade (ENDE), inserido no Programa de Investi-

© PressReader. All rights reserved.