DI­NHEI­RO CON­DI­CI­O­NA ABER­TU­RA DAS "OFI­CI­NAS"

Clu­be lo­bi­tan­ga po­de aban­do­nar o cam­pe­o­na­to e ex­tin­guir plan­tel sé­ni­or

Jornal dos Desportos - - PORTADA - JÚ­LIO GAIANO, NO LO­BI­TO

Adi­rec­ção da Aca­dé­mi­ca do Lo­bi­to con­di­ci­o­na a aber­tu­ra das ofi­ci­nas, com vis­ta à pró­xi­ma épo­ca fu­te­bo­lís­ti­ca que ar­ran­ca a 27 de Ou­tu­bro, com a ga­ran­tia dos apoi­os fi­nan­cei­ros pro­me­ti­dos pe­las en­ti­da­des com­pe­ten­tes da pro­vín­cia (e não só), dis­si­pa­da a con­fi­an­ça que se nu­tria re­la­ti­va­men­te à pa­tro­ci­na­do­ra ofi­ci­al, Es­so Ex­plo­ra­ti­on An­go­la/So­nan­gol, E.P, se­gun­do o pre­si­den­te do clu­be, Luís Bor­ges.

De acor­do com o pre­si­den­te da agre­mi­a­ção des­por­ti­va lo­bi­tan­ga, do pon­to de vis­ta ad­mi­nis­tra­ti­vo, ain­da não há con­di­ções pa­ra pro­jec­tar o ar­ran­que dos tra­ba­lhos da pré­tem­po­ra­da. Ou se­ja, o clu­be não dis­põe de verba pa­ra o efei­to. O clu­be acu­mu­lou avul­ta­das so­mas em di­nhei­ro (de­ve cer­ca 300 mi­lhões de kwanzas), que o co­lo­ca nu­ma si­tu­a­ção pe­ri­cli­tan­te, que pe­ri­ga o seu fu­tu­ro na com­pe­ti­ção que se avi­zi­nha.

”Em fun­ção das avul­ta­das so­mas que con­traí­mos de pes­so­as ami­gas, jul­ga­mos des­ne­ces­sá­rio par­ti­ci­par no pró­xi­mo Gi­ra­bo­la Zap, sem que ha­ja ga­ran­ti­as de sal­dar as dí­vi­das que con­traí­mos. So­mos um clu­be sé­rio, com­pro­me­ti­do com a res­pon­sa­bi­li­da­de que nos con­fe­re. O clu­be não tem di­nhei­ro pa­ra pa­gar o que de­ve e não po­de cor­rer riscos des­ne­ces­sá­ri­os. Es­ta­mos con­vic­tos que a de­ci­são es­tá to­ma­da e não tem re­cuo, in­fe­liz­men­te”, afir­mou.

O pre­si­den­te da Aca­dé­mi­ca Pe­tró­le­os do Lo­bi­to re­ve­lou, que por ques­tão de prin­cí­pi­os e va­lo­res não de­sis­tiu a meio da com­pe­ti­ção tran­sac­ta, por­que im­pe­ra­ram prin­cí­pi­os no seio do co­lec­ti­vo. Por is­so, em con­cer­ta­ção com os mem­bros da di­rec­ção e as­so­ci­a­dos, jul­gou­se ino­por­tu­no cor­rer riscos si­mi­la­res. Ou se­ja, en­quan­to não sur­gi­rem va­lo­res não vão mais sa­cri­fi­car os atle­tas, téc­ni­cos e de­mais pes­so­al in­te­gran­tes do plan­tel, sem as de­vi­das com­pen­sa­ções.

“Pa­ra a tris­te­za de to­dos nós (lo­bi­tan­gas), a equi­pa sé­ni­or da Aca­dé­mi­ca es­tá na imi­nên­cia de ser ex­tin­ta, pa­ra de­sa­gra­do do mu­ni­cí­pio, em par­ti­cu­lar, e da pro­vín­cia, ge­ral”, prog­nos­ti­cou o pre­si­den­te do clu­be mais re­pre­sen­ta­ti­vo do mu­ni­cí­pio fer­ro­por­tuá­ria do Lo­bi­to.

No úl­ti­mo en­con­tro re­a­li­za­do com os as­so­ci­a­dos, o pre­si­den­te Luís Bor­ges ti­nha avan­ça­do a hipótese da Aca­dé­mi­ca do Lo­bi­to não par­ti­ci­par do Gi­ra­bo­la Zap 2018/19. Se­gun­do ele, a di­rec­ção acu­mu­lou um pas­si­vo de cer­ca de 300 mi­lhões de kwanzas. Da Es­so Ex­plo­ra­ti­on -An­go­la/So­nan­gol, es­pe­ra re­ce­ber cer­ca de 130 mi­lhões, in­su­fi­ci­en­tes pa­ra co­brir as despesas or­ça­men­ta­das pe­la di­rec­ção, que pre­ci­sa no mí­ni­mo de 250 mi­lhões, pa­ra a par­ti­ci­pa­ção da equi­pa no cam­pe­o­na­to na­ci­o­nal, sem so­bres­sal­tos.

No en­tan­to, sensibilizada com a si­tu­a­ção, o ad­mi­nis­tra­dor mu­ni­ci­pal, Nelson da Con­cei­ção, pro­me­teu apoio ins­ti­tu­ci­o­nal de for­ma a mi­ni­mi­zar o pro­ble­ma. Con­vi­dou, por is­so, a so­ci­e­da­de lo­bi­tan­ga a jun­tar-se aos es­for­ços em­pre­en­di­dos pe­la di­rec­ção da Aca­dé­mi­ca do Lo­bi­to.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.