Jornal dos Desportos : 2019-08-15

MODALIDADE­S : 14 : 14

MODALIDADE­S

Quinta-feira, MODALIDADE­S 15 de Agosto de 2019 DESPORTO ESCOLAR SUPERTAÇA Abertos Jogos da Região Norte Misto de Luanda destrona Cabinda e arrebata troféu A cerimónia foi presidida pelo governador de Luanda Sérgio Rescova A equipa do Misto de Luanda venceu a Supertaça de basquetebo­l, em cadeira de rodas, ao derrotar na final a congénere de Cabinda, por 51- 48. O jogo disputou- se na catedral da Sporting Clube Petróleos do Bié e antecedeu a abertura do XV Campeonato Nacional. No final, o capitão do Misto de Luanda, Cananito Alexandre, felicitou a união do grupo que levou o título da Supertaça. "É sempre difícil defrontar o Misto de Cabinda, é um adversário forte, com bons atletas, mas desta vez nos empenhamos para obter este resultado", disse. Pedro António que representa a equipa de Cabinda disse que faltou serenidade à equipa. “Viemos de uma região com temperatur­as acima de 20 graus e aqui, no Cuito, estamos a jogar com níveis abaixo de 10, portanto, faltou- nos ambientar a esta realidade, não o fizemos e condiciono­u o nosso bom desempenho­u", lamentou. AGOSTINHO NARCISO| EDIÇÕES NOVEMBRO SILVA CACUTI A cidade de Luanda acolhe, desde ontem, a 10ª edição dos Jogos Escolares da Região Norte, abertos pelo governador provincial Sérgio Rescova, no Pavilhão Arena do Kilamba. Participam dos jogos equipas de Luanda, Uíge, Zaire e Bengo. A representa­ção de Cabinda não se fez presente no acto de abertura. Sérgio Luther Rescova que esteve ladeado pela Ministra da Educação disse esperar que os jogos contribuam para o fortalecim­ento dos laços de unidade nacional. "Em nome do Governo Provincial de Luanda, gostaria de desejar as boas vindas e, acima de tudo , desejar que esta competição tenha como base o espírito do fair play, a irmandade e fraternida­de. Aproveitar também para momento de fortalecim­ento dos laços de unidade nacional para que além dos vencedores desportivo­s saiam também daqui grandes vencedores da cidadania, da educação", disse o governante, antes da sua abordagem ser interrompi­da por um corte de energia eléctrica no pavilhão. Ao todo estão em Luanda 322 atletas, que vão competir nas especialid­ades de futebol, andebol, basquetebo­l, voleibol e atletismo. Os locais de competição estão dispersos pela capital do país. O torneio de futebol vai ser jogado nos campos adjacentes ao estádio 11 de Novembro. A prova de basquetebo­l tem como palco o multiusos do Kilamba, enquanto o voleibol pai para o arena Refriango. O estádio dos Coqueiros recebe as provas de atletismo em pista. O corta-mato vai ser disputado na floresta da Ilha de Luanda. Mais de trezentas crianças estão a participar do evento Os vencedores dos torneios zonais apuram- se para os jogos nacionais escolares aprazados para o mês de Janeiro de 2020, em local a indicar. "Depois da disputa dos torneios zonais vamos abrir candidatur­as para a província que vai acolher os jogos nacionais escolares", disse Santos Raul da comissão organizado­ra. zona Centro, com as províncias do Huambo, Cuanza Sul, Cuanza Norte e Bié. O torneio da zona Leste tem como anfitriã a província do Moxico e junta atletas das lundas Norte e Sul, além de Malanje. A Huíla acolhe, no Lubango, o zonal Sul, disputado também pelas províncias do Cuando Cubango, Cunene e Namibe. As delegações alojadas no Instituto Médio de Hotelaria, na centralida­des do Kilamba e na Escola Morro do Moco, que está localizada na centralida­de do KK5000. Os jogos escolares de 2019 estão divididos em quatro zonas. Luanda acolhe a zona Norte, que integra também as províncias do Bengo, Zaire, Cabinda e Uíge. Em Benguela joga a Jogos escolares movimentam quatrocent­as crianças MATIAS DA COSTA E JOÃO CONSTANTIN­O| - CUITO

© PressReader. All rights reserved.