Willian so­nha com tí­tu­lo mun­di­al

Mé­dio bra­si­lei­ro tem uma car­rei­ra só­li­da ao ser­vi­ço do Chel­sea

Jornal dos Desportos - - INTERNACIO­NAL -

Willian cons­truiu uma car­rei­ra só­li­da e des­ta­cá­vel na Eu­ro­pa. O mé­dio oriun­do dos es­ca­lões de for­ma­ção do Co­rinthi­ans, ves­te ac­tu­al­men­te a ca­mi­so­la 10 do Chel­sea, tem bom de­sem­pe­nho no clu­be e fi­gu­ra cons­tan­te­men­te nas con­vo­ca­tó­ri­as da Se­lec­ção Bra­si­lei­ra.

Mes­mo sem re­cla­mar de na­da, Willian re­ve­lou que ain­da não con­se­guiu re­a­li­zar o seu prin­ci­pal ob­jec­ti­vo pro­fis­si­o­nal: ven­cer o Cam­pe­o­na­to Mun­di­al. Ain­da as­sim, acre­di­ta que a me­ta ain­da es­tá ao seu al­can­ce.

“Sem dú­vi­da! É um so­nho! Re­a­li­zei mui­tos, um de­les foi ves­tir a ca­mi­so­la da se­lec­ção bra­si­lei­ra, con­se­guiu e es­pe­ro con­ti­nu­ar, dis­pu­tar o Cam­pe­o­na­to do Mun­do, mas te­nho es­se so­nho, que é o prin­ci­pal: ves­tir a ca­mi­so­la da se­lec­ção e ser cam­peão”, dis­se, em en­tre­vis­ta exclusiva à "Ga­ze­ta Es­por­ti­va".

Em Ju­nho de 2019, Willian foi o es­co­lhi­do pa­ra subs­ti­tuir Ney­mar, afas­ta­do da Co­pa Amé­ri­ca por le­são, e foi fun­da­men­tal pa­ra Ti­te, in­clu­si­ve com a ca­mi­so­la 10 ca­na­ri­nha du­ran­te a cam­pa­nha que cul­mi­nou com o tí­tu­lo no es­tá­dio do Ma­ra­ca­nã.

“O Cam­pe­o­na­to do Mun­do é to­tal­men­te di­fe­ren­te dos ou­tros, de eli­mi­na­tó­ri­as, da Co­pa Amé­ri­ca. Cla­ro que o Bra­sil tem qua­li­da­de, plan­tel, jo­ga­do­res, e tu­do pa­ra que vol­tar a con­quis­tar o Cam­pe­o­na­to do Mun­do, mas is­so vai ser com o tem­po. Te­mos que pen­sar pas­so a pas­so e es­tar­mos aten­tos. Es­ta­mos na eli­mi­na­tó­ria, que é di­fí­cil. Só as­sim po­de­mos con­se­guir che­gar ao ob­jec­ti­vo. É o so­nho, o ob­jec­ti­vo, creio que de to­dos”, dis­se.

Pe­la se­lec­ção bra­si­lei­ra, Willian re­a­li­zou 70 jo­gos, mar­cou no­ve go­los e faz 15 as­sis­tên­ci­as. A pri­mei­ra vez em que foi con­vo­ca­do acon­te­ceu em Novembro de 2011, quan­do ti­nha 23 anos. Ho­je, com 31, o mé­dio fi­cou de fo­ra da pri­mei­ra cha­ma­da de 2020.

“Te­nho von­ta­de de con­ti­nu­ar a ves­tir a ca­mi­so­la da se­lec­ção. O meu ob­jec­ti­vo é con­ti­nu­ar da mes­ma for­ma, bem no clu­be pa­ra ter gran­des pos­si­bi­li­da­des de ves­tir a ca­mi­so­la da se­lec­ção”, dis­se.

O his­tó­ri­co na se­lec­ção bra­si­lei­ra é bom, os nú­me­ros pe­lo Chel­sea são ain­da me­lho­res, mas de mo­men­to o fo­co é ou­tro. O mé­dio es­tá na In­gla­ter­ra, iso­la­do de­vi­do ao sur­to da Co­vid19, e es­pe­ra que a pan­de­mia se­ja con­tro­la­da. Só após is­so Willian pre­ten­de vol­tar a pen­sar em fu­te­bol.

“Cla­ro que é bom quan­do se atin­ge nú­me­ros im­por­tan­tes, is­so sem dú­vi­da é bom pa­ra qual­quer atle­ta e sen­ti­mo-nos mui­to or­gu­lho­so, fe­li­zes, mas no mo­men­to is­so não pas­sa pe­la mi­nha ca­be­ça. O mo­men­to re­al­men­te é de pen­sar no be­mes­tar, na saú­de, por­que com ela se po­de fa­zer tu­do”, con­cluiu.

DR

Jo­ga­dor tem bom de­sem­pe­nho no clu­be e fi­gu­ra cons­tan­te­men­te nas con­vo­ca­tó­ri­as da Se­lec­ção Bra­si­lei­ra.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.