ho­me­na­gem ao po­vo e à re­pú­bli­ca de an­go­la mar­ca ga­la de en­tre­ga dos pré­mi­os si­rius

Super Fashion - - Eventos Aifs -

a7ª edi­ção dos Pré­mi­os si­rius te­ve como pon­to al­to a ho­me­na­gem ao po­vo e à Re­pú­bli­ca de An­go­la pela for­ma su­pe­ri­or como es­te po­vo tem sa­bi­do de­se­nhar e con­du­zir os seus des­ti­nos, e afir­mar-se in­ter­na­ci­o­nal­men­te, gran­je­an­do res­pei­to e ad­mi­ra­ção.

“Sen­do em­bo­ra he­te­ro­gé­neo na di­ver­si­da­de e ri­que­za ét­ni­ca e cul­tu­ral, o po­vo An­go­la­no sa­be afir­mar-se como uma gran­de na­ção. uma na­ção una, co­e­sa, for­te e de­ter­mi­na­da e, aci­ma de tu­do, com uma am­bi­ção de que­rer ir mais longe, de fa­zer mais e me­lhor, de mos­trar ao mun­do e a to­dos quan­tos a vi­si­tam e con­si­go in­te­ra­gem, um es­pí­ri­to de aber­tu­ra, de diá­lo­go e de fra­ter­ni­da­de”, jus­ti­fi­cou o pre­si­den­te da de­loit­te.

Es­te mo­men­to de ho­me­na­gem cul­mi­nou com a ofer­ta, ao país, de uma es­cul­tu­ra da au­to­ria do ar­tis­ta plás­ti­co an­go­la­no, gui­lher­me Mam­puya. in­ti­tu­la­da o “ri­no­ce­ron­te em mar­cha”, es­ta obra re­pre­sen­ta a elegância da for­ça. “a sua es­tru­tu­ra ma­ci­ça in­ti­mi­da qual­quer ad­ver­sá­rio. as­sim é an­go­la. um país que, com cal­ma, er­gue as su­as es­tru­tu­ras eco­nó­mi­cas, so­ci­ais e po­lí­ti­cas”, evo­ca Du­ar­te Ga­lhar­das.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.