Com se­ca e gre­ve, pre­ço do lei­te dis­pa­ra

Pro­du­to acu­mu­la al­ta de 19% no mês nos su­per­mer­ca­dos do es­ta­do; na ca­pi­tal o au­men­to é de 23%

Agora - - Grana - Clay­ton cas­te­la­ni

O lei­te ven­di­do nos su­per­mer­ca­dos do es­ta­do de São Pau­lo cus­tou 36% mais ca­ro em ju­nho do que em ja­nei­ro, se­gun­do a Apas (As­so­ci­a­ção Pau­lis­ta de Su­per­mer­ca­dos).

A mai­or par­te do au­men­to fi­cou con­cen­tra­do em ju­nho, quan­do o pro­du­to su­biu 19% nas gôn­do­las —ou 23% na ces­ta bá­si­ca dos mo­ra­do­res da ca­pi­tal, pas­san­do de R$ 2,83 pa­ra R$ 3,48, em mé­dia, con­for­me o le­van­ta­men­to fei­to pe­lo Pro­con-sp em par­ce­ria com o Di­e­e­se.

A re­du­ção da pro­du­ção pro­vo­ca­da pe­la fal­ta de chu­vas no iní­cio da sa­fra e al­ta do dó­lar fren­te ao re­al são os prin­ci­pais res­pon­sá­veis pe­lo au­men­to do pro­du­to, mas a gre­ve dos ca­mi­nho­nei­ros tam­bém te­ve im­por­tan­te im­pac­to nos pre­ços no mês pas­sa­do. “Ou­tros fa­to­res ti­ve­ram pe­so, mas a gre­ve im­pul­si­o­nou de­mais os pre­ços”, afir­ma o economista da Apas Thi­a­go Ber­ka. “Não é nor­mal o lei­te su­bir 19% no mês.”

A al­ta do pro­du­to ga­nha des­ta­que di­an­te do ín­di­ce his­tó­ri­co de in­fla­ção men­sal re­gis­tra­da nos su­per­mer­ca­dos pau­lis­tas, que atin­giu 3,55%. O re­cor­de an­te­ri­or ha­via si­do de 2,97%, no mês de ju­nho de 2008.

No ca­so do avan­ço ge­ral dos pre­ços, a cri­se nas es­tra­das é apon­ta­da com a gran­de res­pon­sá­vel, se­gun­do o economista. “A cau­sa é a gre­ve, to­dos os indicadore­s mos­tram is­so”, diz Ber­ka.

A ba­ta­ta é o item que me­lhor de­mons­tra a in­fluên­cia da pa­ra­li­sa­ção nos pre­ços, se­gun­do o economista. “No meio da cri­se, o sa­co de ba­ta­tas de 50 kg che­gou a cus­tar R$ 310, mas ago­ra já vol­tou ao pre­ço de R$ 69, o mes­mo de an­tes da gre­ve.”

Pa­ra os pró­xi­mos me­ses, há ten­dên­cia de que­da pa­ra itens que ti­ve­ram os va­lo­res ex­clu­si­va­men­te afe­ta­dos pe­lo mo­vi­men­to dos ca­mi­nho­nei­ros, co­mo é o ca­so do frango, cu­ja al­ta foi de 22% so­men­te em ju­nho.

No lei­te, a ele­va­ção po­de per­sis­tir se os cus­tos de im­por­ta­ção con­ti­nu­a­rem em al­ta, diz Sér­gio Ro­ber­to Go­mes dos San­tos Jr, da Co­nab.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.