Sai­ba co­mo ga­ran­tir a sua apo­sen­ta­do­ria au­to­má­ti­ca

Se o be­ne­fí­cio au­to­má­ti­co for ne­ga­do pe­lo INSS, o se­gu­ra­do po­de en­trar com um re­cur­so ou apre­sen­tar ação com os do­cu­men­tos

Agora - - Primeira Página -

Os tra­ba­lha­do­res têm con­se­gui­do se apo­sen­tar sem pre­ci­sar ir até uma agên­cia do INSS, prin­ci­pal­men­te os que pe­dem o be­ne­fí­cio por ida­de. Se a me­di­da fa­ci­li­ta a vi­da, tam­bém re­quer aten­ção re­do­bra­da pa­ra que ne­nhum pe­río­do es­ca­pe do cál­cu­lo. Pa­ra es­pe­ci­a­lis­ta, é pre­ci­so es­tar com o his­tó­ri­co de con­tri­bui­ções em dia pa­ra ser be­ne­fi­ci­a­do. As fa­lhas no ca­das­tro ain­da são co­muns e as ne­ga­ti­vas su­pe­ram os nú­me­ros de li­be­ra­ção. Se­gun­do o INSS, des­de maio fo­ram 228 mil pe­di­dos de apo­sen­ta­do­ria por ida­de au­to­má­ti­ca. Fo­ram con­ce­di­das 39.341. Se hou­ver ne­ga­ti­va, há al­guns ca­mi­nhos pa­ra ga­ran­tir a ren­da. O tra­ba­lha­dor tem 30 di­as pa­ra en­trar com um re­cur­so no pos­to. Ou­tra op­ção é ir à Jus­ti­ça.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.