Nú­me­ro de jovens que cum­prem pe­na su­biu

Agora - - Nas Ruas - (FSP)

O nú­me­ro de ado­les­cen­tes que cum­prem me­di­das so­ci­o­e­du­ca­ti­vas cres­ceu ex­po­nen­ci­al­men­te: sal­tou de 4.245 em 1996 pa­ra 27.799 ago­ra, au­men­to de 555% em 20 anos. Pa­ra Ma­ri­a­na Chi­es, co­or­de­na­do­ra do de­par­ta­men­to de in­fân­cia e ju­ven­tu­de do Ins­ti­tu­to Brasileiro de Ci­ên­ci­as Cri­mi­nais, es­se au­men­to der­ru­ba o ar­gu­men­to de que o jo­vem não pa­ga pe­la in­fra­ção.

Os ado­les­cen­tes, atu­al­men­te, po­dem fi­car até três anos in­ter­na­dos —eles não cum­prem uma sen­ten­ça es­pe­cí­fi­ca, mas pas­sam por ava­li­a­ção da Jus­ti­ça pe­ri­o­di­ca­men­te, que diz quan­do eles po­dem vol­tar pa­ra casa.

Se­gun­do Chi­es, que dá au­la so­bre o te­ma na Uni­ver­si­da­de Mac­ken­zie, ha­via mais de 140 pro­je­tos no Con­gres­so no co­me­ço do ano pa­ra au­men­tar o tem­po de in­ter­na­ção pa­ra até dez anos.

Pa­ra o pro­mo­tor Tha­les Ce­zar de Oli­vei­ra, a ida­de pe­nal de­ve ser re­du­zi­da pa­ra 16 anos e em qual­quer ca­so, “até por uma ques­tão pro­ces­su­al. Po­de ser uma con­fu­são gran­de. Ou vo­cê abai­xa pa­ra to­dos os cri­mes ou não abai­xa”, dis­se o pro­mo­tor.

“O ado­les­cen­te de 16 anos sa­be que aqui­lo é cri­me, tem cons­ci­ên­cia de que o ato é cri­mi­no­so, tem cons­ci­ên­cia das con­sequên­ci­as da­que­le ato. Tan­to é que, quan­do ele é pre­so pe­la po­lí­cia, a pri­mei­ra coi­sa que diz é ‘sou de me­nor’”, afir­mou. Oli­vei­ra diz que que “a re­du­ção tem que ser en­ca­ra­da co­mo uma den­tro de um pa­co­te de me­di­das a se­rem ado­ta­das a médio e lon­go pra­zo.”

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.