Elei­to afir­ma que em­pres­tou gra­na ao ami­go que co­nhe­ceu no Exér­ci­to

Agora - - Brasil - (FSP)

O pre­si­den­te elei­to, Jair Bol­so­na­ro, dis­se on­tem que os R$ 24 mil pa­gos em che­que pe­lo ex-as­ses­sor de seu fi­lho à fu­tu­ra pri­mei­ra-da­ma Mi­chel­le se re­fe­rem ao pa­ga­men­to de uma dí­vi­da.

“Em­pres­tei di­nhei­ro pa­ra ele em ou­tras opor­tu­ni­da­des. Nes­sa úl­ti­ma ago­ra, ele es­ta­va com um pro­ble­ma fi­nan­cei­ro e uma dí­vi­da que ele tinha co­mi­go se acu­mu­lou. Não fo­ram R$ 24 mil, fo­ram R$ 40 mil. Se o Co­af qui­ser re­tro­a­gir um pou­qui­nho mais, vai che­gar nos R$ 40 mil”, dis­se Bol­so­na­ro ao si­te O An­ta­go­nis­ta.

O pre­si­den­te elei­to afir­mou que Fa­brí­cio José Car­los de Qu­ei­roz é seu ami­go e que os dois se co­nhe­ce­ram em 1984, no Exér­ci­to.

Ele afir­mou ao si­te que se sur­pre­en­deu com a ci­ta­ção de Qu­ei­roz em um re­la­tó­rio do Co­af e que cor­tou con­ta­to com o ami­go até que ele se ex­pli­que aos in­ves­ti­ga­do­res.

Se­gun­do Bol­so­na­ro, os re­cur­sos fo­ram pa­ra a con­ta de Mi­chel­le por­que ele não tem “tem­po de sair”. “Es­sa é a his­tó­ria, na­da além dis­so. Não que­ro es­con­der na­da, não é nos­sa in­ten­ção.”

On­tem, o fu­tu­ro mi­nis­tro da Ca­sa Ci­vil, Onyx Lo­ren­zo­ni, dis­se que a divulgação de um re­la­tó­rio do Co­af é uma ten­ta­ti­va de des­truir a re­pu­ta­ção de Jair Bol­so­na­ro.

“Se­to­res es­tão ten­tan­do des­truir a re­pu­ta­ção do sr. Jair Mes­si­as Bol­so­na­ro. On­de é que es­ta­va o Co­af no men­sa­lão, no pe­tro­lão?”

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.