ATÉ 3 ANOS

Ana Maria - - FILHOS -

O mais in­di­ca­do são as ati­vi­da­des sen­so­ri­ais. Co­mo não con­se­guem pas­sar mui­to tem­po en­tre­ti­dos com a mes­ma coi­sa, pen­se em vá­ri­as de­las e sem­pre em pro­pos­tas de cur­ta du­ra­ção. Va­le ma­ni­pu­lar mas­si­nha ou areia, mas sob a su­per­vi­são de um adul­to, brin­car com um po­ti­nho de água ou com pa­pel... Pu­lar, cor­rer, ar­ras­tar coi­sas (co­mo um car­ri­nho) e fa­zer ati­vi­da­des com su­ca­ta, co­mo gar­ra­fa pet, tam­bém são brin­ca­dei­ras bem acei­tas. To­das elas au­xi­li­am no de­sen­vol­vi­men­to neu­rop­si­co­mo­tor e ain­da tra­ba­lham a con­cen­tra­ção.

SU­GES­TÃO DA ES­PE­CI­A­LIS­TA

Que tal pe­gar uma fo­lha de jor­nal e fa­zer bas­tan­te ba­ru­lho amas­san­do-a, si­mu­lan­do que a cri­an­ça es­tá to­man­do ba­nho? Vo­cê po­de usar uma es­pon­ja e aju­dá-la a es­fre­gar as cos­tas e os om­bros, tra­ba­lhan­do a ima­gi­na­ção.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.