Bol­so­na­ro 28% e Had­dad 22%

Brasil em Folhas - - Primeira Página -

Ocan­di­da­to à Pre­si­dên­cia da re­pú­bli­ca Jair Bol­so­na­ro (Psl) se­gue na li­de­ran­ça da cor­ri­da elei­to­ral, com 28% das in­ten­ções de vo­to, mas pa­rou de cres­cer, de acor­do com no­va pes­qui­sa ibo­pe di­vul­ga­da nes­ta se­gun­da-fei­ra, 24. É a pri­mei­ra vez des­de 20 de agos­to —e des­de o aten­ta­do a fa­ca que so­freu— que o can­di­da­to do Psl nem se­quer os­ci­la po­si­ti­va­men­te: na pes­qui­sa an­te­ri­or ele tam­bém ti­nha 28%. ain­da hos­pi­ta­li­za­do, Bol­so­na­ro te­ve ain­da ou­tras no­tí­ci­as ne­ga­ti­vas: viu a re­jei­ção cres­cer de 42% a 46%. tam­bém viu o can­di­da­to do Pt, fer­nan­do Had­dad (Pt), se apro­xi­mar. o no­me apoi­a­do pe­lo ex-pre­si­den­te luiz iná­cio lu­la da sil­va cres­ceu e foi de 19% a 22%. Nas si­mu­la­ções de se­gun­do tur­no, Had­dad saiu da po­si­ção de em­pa­te e ago­ra ven­ce Bol­so­na­ro por 43% a 37%. o de­pu­ta­do fe­de­ral tam­bém per­de­ria no em­ba­te di­re­to pa­ra ci­ro Go­mes (PDT) e pa­ra Ge­ral­do alck­min (PSDB). só ar­ran­ca­ria um em­pa­te com ma­ri­na sil­va (re­de).

os nú­me­ros apu­ra­dos pe­lo ibo­pe, que ou­viu 2.506 elei­to­res en­tre sá­ba­do 22 e do­min­go 23, con­fir­mam a con­so­li­da­ção de Had­dad em se­gun­do lu­gar, iso­lan­do-se dos de­mais. ci­ro não se mo­veu: se­gue com 11%. ma­ri­na os­ci­lou pa­ra bai­xo e tem 5%. Já Ge­ral­do alck­min, do­no do mai­or tem­po de tv, os­ci­lou pa­ra ci­ma um pon­to e tem 8%. a mar­gem de er­ro é de dois pon­tos, pa­ra mais ou pa­ra me­nos.

se não ser­vi­ram pa­ra ala­van­car alck­min, as pro­pa­gan­das do tu­ca­no na tv con­tra Bol­so­na­ro pa­re­cem co­me­çar a ar­ra­nhar a ima­gem do de­pu­ta­do. a ar­ti­lha­ria con­tra a can­di­da­tu­ra tam­bém en­vol­veu ou­tros mo­vi­men­tos con­trá­ri­os. Um de­les é a mo­bi­li­za­ção de mu­lhe­res con­tra ele, que sob a #elenão atrai ce­le­bri­da­des co­mo a can­to­ra anit­ta. em ou­tra fren­te, um gru­po cres­cen­te de per­so­na­li­da­des se une em tor­no de um ma­ni­fes­to pe­la de­mo­cra­cia que re­jei­ta a can­di­da­tu­ra do Psl. co­mo re­sul­ta­do, em uma se­ma­na, a re­jei­ção ao ca­pi­tão re­for­ma­do do exér­ci­to su­biu qua­tro pon­tos. É a pri­mei­ra vez des­de o aten­ta­do que o ín­di­ce de re­cha­ço, con­si­de­ra­do um bom termô­me­tro da vi­a­bi­li­da­de das can­di­da­tu­ras no se­gun­do tur­no, su­biu. an­tes do ata­que, em 6 de se­tem­bro, a re­jei­ção mar­ca­va 44%. lo­go após o epi­só­dio des­ceu a 41%.

o es­tan­ca­men­to de Bol­so­na­ro coin­ci­de com a me­lho­ra do seu qua­dro de saú­de, após pas­sar por du­as ci­rur­gi­as de­cor­ren­tes do aten­ta­do. o can­di­da­to de ex­tre­ma di­rei­ta dei­xou a uni­da­de de cui­da­do se­mi­in­ten­si­vo do Hos­pi­tal al­bert eins­tein, em são Pau­lo. Já no quar­to, con­ce­deu nes­ta se­gun­da-fei­ra uma en­tre­vis­ta à rá­dio Jo­vem Pan, trans­mi­ti­da ao vi­vo pe­lo You­tu­be, e dis­se ter a ex­pec­ta­ti­va de dei­xar o hos­pi­tal até o fim da se­ma­na.

Na con­ver­sa, Bol­so­na­ro dis­se acre­di­tar que seu agres­sor ade­lio Bis­po “não agiu so­zi­nho”, ao con­trá­rio do que apon­ta a Po­lí­cia fe­de­ral. reportagem da fo­lha de s. Pau­lo no fim de se­ma­na in­for­mou que os in­ves­ti­ga­do­res des­car­tam por ora que ade­lio te­nha re­ce­bi­do di­nhei­ro em sua con­ta ban­cá­ria pa­ra ten­tar ma­tar o can­di­da­to. o de­pu­ta­do não pou­pou crí­ti­cas à Pf. se­gun­do ele, a ins­ti­tui­ção quer “aba­far” a in­ves­ti­ga­ção so­bre o ata­que. “Pe­lo que ou­vi di­zer, não te­nho cer­te­za ain­da, a Po­lí­cia ci­vil de Juiz de fo­ra es­tá bem mais avan­ça­da que a Po­lí­cia fe­de­ral. o de­poi­men­to do de­le­ga­do que es­tá con­du­zin­do, re­al­men­te é pa­ra aba­far. eu la­men­to o que ou­vi ele fa­lan­do. Dá a en­ten­der até que age em par­te co­mo uma de­fe­sa do cri­mi­no­so. is­so não po­de acon­te­cer”, dis­se.

Ar­qui­vo

Re­pro­du­ção

Os can­di­da­tos Jair Bol­so­na­ro e Fer­nan­do Had­dad.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.