Zé “ba­se for­te” o le­va­rá pa­ra o se­gun­do tur­no

Brasil em Folhas - - Primeira Página -

Can­di­da­to à re­e­lei­ção, o go­ver­na­dor Zé Eliton (psdb) afir­mou nes­ta se­gun­da-fei­ra ( 1º/10) ter per­ce­bi­do “um mo­vi­men­to mui­to gran­de na Re­gião do Entorno do dis­tri­to Fe­de­ral, na Re­gião Nor­te, além de um avan­ço sig­ni­fi­ca­ti­vo nas re­giões su­do­es­te e sul do Es­ta­do”. Na ava­li­a­ção de Eliton, “a re­cep­ti­vi­da­de em to­dos os mu­ni­cí­pi­os é ex­tre­ma­men­te po­si­ti­va. Um mo­vi­men­to for­te da ba­se nos le­va­rá pa­ra o se­gun­do tur­no”, afir­mou.

A de­cla­ra­ção foi fei­ta du­ran­te en­tre­vis­ta a uma emis­so­ra de te­le­vi­são da Re­gião su­do­es­te de Goiás. O go­ver­na­dor dis­se es­tar “con­fi­an­te” na es­co­lha de seu no­me pa­ra mais qua­tro anos à fren­te do go­ver­no. so­bre as pes­qui­sas de in­ten­ção de vo­tos Zé Eliton dis­se que, in­fe­liz­men­te, es­se ti­po de abor­da­gem “vi­rou brin­ca­dei­ra im­pos­sí­vel de ana­li­sar”. Aos elei­to­res o can­di­da­to fri­sou que tra­ba­lha “com pru­dên­cia, com se­gu­ran­ça”, que nin­guém vai vê­lo “agre­din­do as pes­so­as ou xin­gan­do”, pois seu es­ti­lo de tra­ba­lho é o de um ges­tor “se­re­no e tran­qui­lo na con­du­ção da má­qui­na pú­bli­ca”.

Zé Eliton foi ques­ti­o­na­do a res­pei­to do que pre­ten­de mu­dar em um pró­xi­mo go­ver­no. “To­dos os pro­gra­mas na área de se­gu­ran­ça es­tão fun­ci­o­nan­do, de fo­men­to ao em­pre­go, de em­pre­en­de­do­ris­mo; ti­ve­mos a con­di­ção de pa­gar o ser­vi­dor em dia e aten­der as de­man­das das pes­so­as. Eu es­tou to­man­do vá­ri­as me­di- das pa­ra que as con­tas con­ti­nu­em em dia pa­ra que no ano que vem con­ti­nu­e­mos com es­se ci­clo de avan­ço pa­ra as pes­so­as”, afir­mou.

A ad­mi­nis­tra­ção da saú­de por Or­ga­ni­za­ção so­ci­al ocu­pou gran­de par­te da en­tre­vis­ta. se­gun­do Zé Eliton, “o mo­de­lo tem si­do mui­to bem-su­ce­di­do na saú­de e os pro­ble­mas, pon­tu­ais, já fo­ram so­lu­ci­o­na­dos”. Ele ci­tou co­mo exem­plo de su­ces­so o Hur­so de san­ta He­le­na: “quem vai lá ava­lia o hos­pi­tal com mais de 90% co­mo aten­di­men­to efi­ci­en­te, o mes­mo acon­te­cen­do no Hu­gol, no Hugo e nos ou­tros hos­pi­tais pú­bli­cos es­ta­du­ais”.

pre­fei­to de Ipo­rá diz que Zé Eliton es­tá mais pre­pa­ra­do e tem ex­pe­ri­ên­cia ad­mi­nis­tra­ti­va

“Agra­de­ço a to­das as pes- so­as que saí­ram de su­as ca­sas e de­mons­tra­ram ca­ri­nho, en­tu­si­as­mo e con­fi­an­ça em nos­so tra­ba­lho e em nos­sa vi­tó­ria”. Após uma ho­ra de car­re­a­ta pe­la ci­da­de de Ipo­rá, lo­ca­li­za­da na re­gião Oes­te do Es­ta­do, a 216 quilô­me­tros de Goi­â­nia, o go­ver­na­dor Zé Eliton sin­te­ti­zou sua ale­gria pe­la re­cep­ti­vi­da­de, o en­tu­si­as­mo e a mo­bi­li­za­ção. du­ran­te o per­cur­so, o can­di­da­to à re­e­lei­ção des­ta­cou que a jun­ção de for­ças (do po­vo, dos pre­fei­tos, dos par­ti­dos e li­de­ran­ças) já ga­ran­tiu o se­gun­do tur­no e se­rá de­ter­mi­nan­te pa­ra con­so­li­dar a vi­ra­da que tem se de­se­nha­do nos úl­ti­mos di­as. “Ele es­tá mais pre­pa­ra­do, tem ex­pe­ri­ên­cia ad­mi­nis­tra­ti­va, cui­dou des­te Es­ta­do ao la­do de Mar­co­ni pe­ril­lo du­ran- te oi­to anos. Não po­de­mos ar­ris­car e vi­ver qua­tro anos de re­tro­ces­so”, de­cla­rou o pre­fei­to Na­çoi­tan Lei­te (psdb), que es­te­ve ao la­do do go­ver­na­dor du­ran­te to­do o per­cur­so. “Nós do in­te­ri­or de Goiás não po­de­mos dei­xar o Es­ta­do pa­rar. Goiás pre­ci­sa avan­çar mais. É o de­se­jo da mi­nha co­mu­ni­da­de, da mi­nha re­gião e do po­vo de Goiás”, sa­li­en­tou.

A car­re­a­ta co­me­çou no iní­cio da GO-221, que li­ga Ipo­rá a Cai­apô­nia e per­cor­reu as prin­ci­pais ru­as da ci­da­de, on­de mo­ra­do­res fo­ram às cal­ça­das exi­bir ma­te­ri­al de cam­pa­nha e ga­ran­tir o vo­to ao go­ver­na­dor Zé Eliton (45), pa­ra os can­di­da­tos ao se­na­do Mar­co­ni pe­ril­lo (456) e Lú­cia Vâ­nia (405) e aos can­di­da­tos a de­pu­ta­do fe­de­ral e es­ta­du­al da ba­se ali­a­da do go­ver­no. A co­li­ga­ção que tra­ba­lha pe­lo bem de Goiás mos­trou for­ça e ga­nha ca­da vez mais a con­fi­an­ça da po­pu­la­ção, co­mo a gen­te de Ipo­rá. Foi co­mo re­su­miu a fun­ci­o­ná­ria pú­bli­ca Ma­ria da Conceição (51), des­ta­can­do que Mar­co­ni e Zé Eliton fi­ze­ram mui­to por Goiás, hon­ran­do a con­fi­an­ça da po­pu­la­ção. “Zé Eliton ajudou o go­ver­na­dor Mar­co­ni a me­lho­rar Goiás. Va­mos uni­dos e for­tes até a vi­tó­ria com eles”, de­cla­rou.

A ca­da ave­ni­da per­cor­ri­da, o sen­ti­men­to era de in­te­gra­ção. Fa­mí­li­as, tra­ba­lha­do­res e cri­an­ças in­te­ra­gi­am com o mo­vi­men­to. Im­buí­dos do com­pro­mis­so com o bem de Goiás, os can­di­da­tos re­for­ça­vam a em­pa­tia e a es­pe­ran­ça de que mui­tas con­quis­tas ain­da es­tão por vir.

O pres­ta­dor de ser­vi­ços João de Oli­vei­ra (42), que acom­pa­nhou to­da a car­re­a­ta, jus­ti­fi­cou seu apoio: “Vo­to em Zé Eliton por­que acre­di­to no seu tra­ba­lho. Trou­xe ver­bas pa­ra o nos­so de­sen­vol­vi­men­to, pa­ra a saú­de e edu­ca­ção. Te­nho cer­te­za que vai ser bem me­lhor ain­da pa­ra o nos­so Es­ta­do”, sen­ten­ci­ou.

Em Cai­apô­nia, tam­bém nes­ta se­gun­da-fei­ra (01), Zé Eliton foi re­ce­bi­do com en­tu­si­as­mo. do veí­cu­lo que o trans­por­tou em car­re­a­ta pe­las ru­as da ci­da­de, Zé Eliton, ten­do ao la­do o pre­fei­to Caio Li­ma (pp), re­tri­buía com ges­tos de gra­ti­dão as de­mons­tra­ções de apoio que re­ce­bia dos mo­ra­do­res.

Psdb

Can­di­da­to à re­e­lei­ção, go­ver­na­dor foi re­ce­bi­do com fes­ta pe­la po­pu­la­ção em Ipo­rá e Cai­apô­nia

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.