SE­LE­ÇÃO VEN­CE SEM NE­NHUM BRILHO in­di­vi­du­al

Brasil em Folhas - - Primeira Página -

oB­ra­sil en­ca­rou uma re­no­va­da ar­gen­ti­na, em amis­to­so dis­pu­ta­do nes­ta ter­ça-fei­ra em Jed­dah, na ará­bia sau­di­ta, e vol­tou a apre­sen­tar um de­sem­pe­nho de­cep­ci­o­nan­te. Mas foi sal­vo por Mi­ran­da, que ga­ran­tiu o triun­fo por 1 a 0 já nos acrés­ci­mos do se­gun­do tem­po e man­te­ve os 100% de apro­vei­ta­men­to da se­le­ção após a co­pa do Mun­do da rús­sia.

o cli­ma de clás­si­co tão ci­ta­do de am­bos os la­dos fi­cou ape­nas nas jo­ga­das mais rís­pi­das e o que se viu em cam­po foi um fu­te­bol mui­to aquém da his­tó­ria des­te con­fron­to. o em­pa­te por 0 a 0 re­pre­sen­ta­va bem o que se viu em cam­po, mas na jogada aé­rea, aos 47 da eta­pa fi­nal, a se­le­ção ar­ran­cou a vi­tó­ria. Foi mais uma atu­a­ção fra­ca da equi­pe de ti­te de­pois da de­cep­ção na úl­ti­ma co­pa do Mun­do.

an­tes, a se­le­ção ha­via ob­ti­do três vi­tó­ri­as em três amis­to­sos, mas con­tra os fra­cos es­ta­dos Uni­dos (2 a 0), el sal­va­dor (5 a 0) e ará­bia sau­di­ta (2 a 0), sem em­pol­gar em ne­nhu­ma des­tas par­ti­das. tal­vez bus­can­do es­te com­bus­tí­vel ofen­si­vo, ti­te ino­vou nes­ta ter­ça e es­ca­lou ro­ber­to Fir­mi­no e Ga­bri­el Je­sus jun­tos no ata­que. Não deu cer­to. Je­sus mos­trou di­fi­cul­da­de pa­ra bus­car jo­go pe­la di­rei­ta, en­quan­to Fir­mi­no pou­co apa­re­ceu.

a se­le­ção, en­tão, mais uma vez de­pen­deu ex­clu­si­va­men­te de Ney­mar, e em meio a ou­tra atu­a­ção ir­re­gu­lar do as­tro do Pa­ris saintGer­main, pou­co cri­ou mes­mo di­an­te de uma ar­gen­ti­na sem Li­o­nel Mes­si, agüe­ro, Di Ma­ría e Hi­guaín. o jo­go até co­me­çou bas­tan­te pe­ga­do, com a se­le­ção aci­o­nan­do Ney­mar e o bra­si­lei­ro sen­do cal­ça­do. Fo­ram três fal­tas so­fri­das nos pri­mei­ros mi­nu­tos, o que não mu­dou o com­por­ta­men­to do jo­ga­dor.

ele se­guiu bus­can­do a bo­la no cam­po de de­fe­sa, ten­tan­do os lan­ces, qua­se sem­pre de for­ma in­di­vi­du­al, e so­fren­do com a fal­ta de es­pa­ço. a pri­mei­ra che­ga­da, no en­tan­to, foi da ar­gen­ti­na. aos se­te mi­nu­tos, ca­se­mi­ro er­rou na ten­ta­ti­va do do­mí­nio e a so­bra fi­cou com Lo cel­so, que ba­teu da mei­a­lua, à es­quer­da de alis­son. o pri­mei­ro lan­ce de pe­ri­go do Bra­sil acon­te­ceu so­men­te aos 27. Mi­ran­da re­ce­beu cru­za­men­to da es­quer­da, do­mi­nou e en­cheu o pé. a bo­la pas­sou por ro­me­ro, mas ota­men­di sal­vou em ci­ma da li­nha.

o Bra­sil pa­re­cia de­sen­tro­sa­do, com Je­sus e Fir­mi­no en­con­tran­do di­fi­cul­da­des pa­ra jo­gar jun­tos. cou­ti­nho, bem mar­ca­do, tam­bém es­ta­va su­mi­do, o que dei­xou a equi­pe de­pen­den­do de Ney-

mar. e até pe­la fal­ta de com­pa­nhia, o ata­can­te in­sis­tia de­mais nas jo­ga­das in­di­vi­du­ais, o que mi­na­va as pos­si­bi­li­da­des da se­le­ção. Dy­ba­la, em co­bran­ça de fal­ta, te­ve o úl­ti­mo bom mo­men­to do fra­co pri­mei­ro tem­po. e quan­do se es­pe­ra­va que o Bra­sil cres­ces­se de­pois do in­ter­va­lo, foi a ar­gen­ti­na que cri­ou as me­lho­res chan­ces da par­ti­da até en­tão.

Lo­go com um mi­nu­to, Lo cel­so ten­tou de ca­be­ça e pa­rou em alis­son. aos cin­co, icar­di re­ce­beu em pro­fun­di­da­de, cor­tou a mar­ca­ção e ba­teu tra­va­do, tam­bém com pe­ri­go. No lan­ce, Da­ni­lo se con­tun­diu e dei­xou o cam­po sen­tin­do mui­tas do­res no tor­no­ze­lo es­quer­do. so­men­te quan­do Ney­mar vol­tou a en­con­trar es­pa­ço, o Bra­sil in­co­mo­dou no­va­men­te a ar­gen­ti­na.

aos 23 mi­nu­tos, ele ar­ran­cou, fez boa jogada pe­la es­quer­da e cru­zou pa­ra a área. ri­char­li­son, que aca­ba­ra de en­trar, ten­tou na se­gun­da tra­ve, mas man­dou pa­ra fo­ra. No mi­nu­to se­guin­te, o ata­can­te do PSG co­brou fal­ta en­sai­a­da pa­ra arthur, que en­cheu o pé e pa­rou em ro­me­ro. os úl­ti­mos mi­nu­tos fo­ram de um Bra­sil mais ofen­si­vo, do­no da pos­se, mas to­tal­men­te sem cri­a­ti­vi­da­de. ca­se­mi­ro ten­tou em co­bran­ça de fal­ta de lon­ge, que des­vi­ou na bar­rei­ra e ras­pou a tra­ve. Mas, nos acrés­ci­mos, Ney­mar co­brou es­can­teio da es­quer­da na ca­be­ça de Mi­ran­da, que se an­te­ci­pou a ro­me­ro e de­fi­niu a vi­tó­ria bra­si­lei­ra. ae

Lucas Fi­guei­re­do/cbf

A se­le­ção Bra­si­lei­ra ga­nhou da Ar­gen­ti­na de 1 x 0 no jo­go su­per clas­si­co na Ara­bia

Lucas Fi­guei­re­do/cbf

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.