MAIS NUTRIENTES

Con­te com os ali­men­tos abaixo pa­ra afas­tar o di­a­be­tes de uma ma­nei­ra sa­bo­ro­sa!

Coleção Almanaque da Saúde - - ÍNDICE - Tex­to DENIS ERIC/CO­LA­BO­RA­DOR | De­sign REBECA MESSIAS/COLABORADO­RA

Os le­gu­mes são es­sen­ci­ais e pos­su­em um efei­to pro­te­tor aos di­a­bé­ti­cos

VERSÁTEIS, POU­CO CALÓRICOS E AL­TA­MEN­TE BENÉFICOS À SAÚDE. AS­SIM SÃO CA­RAC­TE­RI­ZA­DOS OS LE­GU­MES, op­ções de ali­men­tos mui­to ri­cos nu­tri­ci­o­nal­men­te e que tra­zem um efei­to pro­te­tor especial pa­ra a saúde dos di­a­bé­ti­cos. O mo­ti­vo? Elas con­tam com uma boa quan­ti­da­de de vitaminas, mi­ne­rais e fi­bras - es­sa úl­ti­ma, de im­por­tân­cia in­dis­cu­tí­vel -, que atu­am di­re­ta­men­te no con­tro­le do pro­ble­ma. “As fi­bras so­lú­veis são as que mais fa­vo­re­cem quem so­fre com o di­a­be­tes. Ao en­trar em con­ta­to com a água, es­sa fi­bra cria uma `ca­pa' em tor­no da co­mi­da e di­fi­cul­ta a ab­sor­ção de açú­car”, ex­pli­ca o nu­tró­lo­go Ma­xi­mo Asi­nel­li.

31 ABOBRINHA

É óti­ma pa­ra regular os ní­veis de gli­co­se no san­gue. Além dis­so, su­pre o or­ga­nis­mo com fi­bras e nutrientes es­sen­ci­ais, co­mo vitaminas do com­ple­xo B e C, be­ta­ca­ro­te­no, mi­ne­rais e fi­toquí­mi­cos, que têm ação an­ti­o­xi­dan­te e an­ti­can­ce­rí­ge­na com­pro­va­da por vá­ri­os es­tu­dos ci­en­tí­fi­cos.

32 BATATA YACON

“É rica em inu­li­na, um ti­po de fi­bra que o cor­po não po­de di­ge­rir, por is­so ela tem bai­xo te­or ca­ló­ri­co (ape­sar do sa­bor do­ce) e bai­xo ín­di­ce gli­cê­mi­co. Con­su­mir a batata yacon po­de aju­dar na per­da de pe­so e au­men­ta a sen­si­bi­li­da­de à in­su­li­na, de acor­do com um es­tu­do pu­bli­ca­do na re­vis­ta Cli­ni­cal Nu­tri­ti­on, o que é ex­ce­len­te pa­ra quem tem (ou quer pre­ve­nir) o di­a­be­tes”, apon­ta a nu­tró­lo­ga e mé­di­ca or­to­mo­le­cu­lar Ta­ma­ra Ma­za­rac­ki.

33 BERINJELA

De­vi­do à al­ta con­cen­tra­ção de fi­bras pre­sen­tes no le­gu­me, o açú­car do san­gue pas­sa a ser ab­sor­vi­do com mai­or len­ti­dão, fa­tor que con­tri­bui pa­ra o con­tro­le dos ní­veis gli­cê­mi­cos.

34 BATATA-DO­CE

O alimento é ri­co em fi­bras e pos­sui bai­xo ín­di­ce gli­cê­mi­co (li­be­ran­do a gli­co­se len­ta­men­te no or­ga­nis­mo), com­bi­na­ção per­fei­ta pa­ra man­ter os ní­veis de glicemia es­tá­veis.

35 CENOURA

Além de con­tri­buir pa­ra a saúde da pe­le e da vi­são - gra­ças à boa quan­tia de be­ta­ca­ro­te­no exis­ten­te no le­gu­me -, a cenoura é rica em vitaminas, mi­ne­rais, subs­tân­ci­as an­ti­o­xi­dan­tes e fi­bras, tra­zen­do a sen­sa­ção de sa­ci­e­da­de pro­lon­ga­da.

36 FEI­JÃO-BRAN­CO

Es­se alimento con­ta com a pre­sen­ça de uma subs­tân­cia especial cha­ma­da fa­se­o­la­mi­na, que tem a ca­pa­ci­da­de de im­pe­dir a ab­sor­ção de cer­ca de 20% dos car­boi­dra­tos pre­sen­tes nos ali­men­tos in­ge­ri­dos, uma van­ta­gem e tan­to pa­ra a saúde dos di­a­bé­ti­cos.

37 ERVILHA

Em­bo­ra pe­que­ni­na, es­sa le­gu­mi­no­sa car­re­ga con­si­go uma lis­ta e tan­to de nutrientes. Con­tan­do com a pre­sen­ça de áci­do fó­li­co, o alimento é ide­al pa­ra pro­te­ger a saúde do co­ra­ção, além de con­tri­buir pa­ra be­ne­fi­ci­ar o or­ga­nis­mo em ge­ral. As fi­bras pre­sen­tes ne­la tam­bém são as res­pon­sá­veis pe­lo au­xí­lio no combate ao di­a­be­tes e ao mau co­les­te­rol.

38 PIMENTÃO

O acom­pa­nha­men­to ide­al pa­ra peixes, re­fo­ga­dos, as­sa­dos e sa­la­das traz con­si­go uma quan­tia ex­ce­len­te de subs­tân­ci­as an­ti­o­xi­dan­tes, que co­la­bo­ram pa­ra a di­mi­nui­ção dos ra­di­cais li­vres pro­du­zi­dos pe­las cé­lu­las. Ou­tra van­ta­gem do alimento é a pre­sen­ça de cap­sai­ci­na, uma subs­tân­cia ca­paz de atu­ar contra o mau co­les­te­rol (LDL) e o di­a­be­tes.

39 PEPINO

Pos­sui ação diu­ré­ti­ca na­tu­ral, re­du­zin­do in­fla­ma­ções na be­xi­ga, pro­te­gen­do e me­lho­ran­do o fun­ci­o­na­men­to dos rins. Além dis­so, aju­da na pro­du­ção de cé­lu­las be­ta, que são ne­ces­sá­ri­as pa­ra a sín­te­se de in­su­li­na no cor­po.

40 TOMATE

É ex­ce­len­te pa­ra controlar a glicemia e é ri­co em li­co­pe­no, in­te­gran­te da fa­mí­lia dos ca­ro­te­noi­des. Es­sa pro­pri­e­da­de é bas­tan­te efi­caz na lu­ta contra o di­a­be­tes. Além dis­so, pos­sui nutrientes co­mo o po­tás­sio, que par­ti­ci­pa dos impulsos ner­vo­sos, das con­tra­ções mus­cu­la­res e dos ba­ti­men­tos car­día­cos.

CON­SUL­TO­RIA Grei­ce Ca­ro­li­ne Bag­gio, nu­tri­ci­o­nis­ta; Ma­xi­mo Asi­nel­li, nu­tró­lo­go; Ta­ma­ra Ma­za­rac­ki, nu­tró­lo­ga e mé­di­ca or­to­mo­le­cu­lar FOTOS Shut­ters­tock Ima­ges e iS­tock.com/ Getty Ima­ges

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.