Re­a­li­da­des bem dis­tin­tas

Correio da Bahia - - Vida -

Um clás­si­co que en­vol­ve a ri­va­li­da­de de um Ba-Vi aflo­ra a im­pre­vi­si­bi­li­da­de co­mum ao fu­te­bol e di­fi­cul­ta prog­nós­ti­cos. Po­rém, se não é pru­den­te apon­tar um fa­vo­ri­to ho­je, no Bar­ra­dão, é fa­to que Bahia e Vi­tó­ria che­gam ao clás­si­co das 16h em re­a­li­da­des dis­tin­tas na Sé­rie A. Este, por si­nal, é o gran­de com­bus­tí­vel do quin­to e último Ba-Vi do ano.

A seis jo­gos do fim do Cam­pe­o­na­to Brasileiro, o Leão co­me­çou a 33ª ro­da­da na zo­na de re­bai­xa­men­to, em 17º lu- gar, com 34 pon­tos. Cor­re sé­rio ris­co de queda, ava­li­a­do em 72,3% pe­la Uni­ver­si­da­de Fe­de­ral de Mi­nas Ge­rais.

A má co­lo­ca­ção, in­se­ri­da em um con­tex­to de três ro­da­das sem vencer e mu­dan­ças su­ces­si­vas à pro­cu­ra do ti­me ti­tu­lar ide­al, fez o ru­bro-ne­gro ini­ci­ar a semana do clás­si­co com a se­gun­da tro­ca de trei­na­dor na tem­po­ra­da. João Bur­se, da equi­pe sub-23, foi pro­mo­vi­do após a de­mis­são de Pau­lo Cé­zar Car­pe­gi­a­ni, que ha­via subs­ti­tuí­do Vag­ner Man­ci­ni em agos­to. Fo­ram 14 jo­gos sob co­man­do de Car­pe­gi­a­ni, com qua­tro triun­fos, se­te der­ro­tas e três em­pa­tes.

João Bur­se con­ver­sa com o elen­co ru­bro-ne­gro an­tes do clás­si­co. Vi­tó­ria pre­ci­sa mui­to dos três pon­tos

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.