FIS­CA­LI­ZA­ÇÃO

Vin­te e um agen­tes fo­ram di­plo­ma­dos nes­ta se­ma­na após ca­pa­ci­ta­ção e es­tão ap­tos a co­la­bo­rar com a equi­pe da CMTU

Folha de Londrina - - Primeira Página - Pe­dro Mar­co­ni

A Guar­da Mu­ni­ci­pal já co­me­çou a atu­ar no trânsito. No iní­cio des­ta se­ma­na, o mu­ni­cí­pio as­si­nou o pla­no de tra­ba­lho que re­gu­la­men­tou a ati­vi­da­de e os 21 agen­tes que par­ti­ci­pa­ram do cur­so de for­ma­ção fo­ram di­plo­ma­dos. De acor­do com o se­cre­tá­rio de De­fe­sa So­ci­al, Pe­dro Ra­mos, atu­a­ção irá ocor­rer du­ran­te o tur­no de tra­ba­lho

“Se te­mos mais agen­tes nas ru­as, po­de­mos so­cor­rer as pes­so­as no trânsito”

A GM (Guar­da Mu­ni­ci­pal) de Lon­dri­na já es­tá atu­an­do no trânsito. No iní­cio des­ta se­ma­na, o mu­ni­cí­pio as­si­nou o pla­no de tra­ba­lho for­ma­li­zan­do a ati­vi­da­de e os 21 agen­tes que par­ti­ci­pa­ram do cur­so de for­ma­ção fo­ram di­plo­ma­dos. O Es­ta­tu­to Ge­ral das Guar­das Mu­ni­ci­pais, san­ci­o­na­do em 2014 pe­lo go­ver­no fe­de­ral, pre­vê,en­tre­ou­tras­ques­tões,que­guar­das­po­dem­fis­ca­li­za­ro­trân­si­to­e­ex­pe­dir mul­tas, des­de que exis­ta con­vê­nio com ór­gãos da área em ní­vel mu­ni­ci­pal ou es­ta­du­al.

De acor­do com o se­cre­tá­rio de De­fe­sa So­ci­al, Pe­dro Ra­mos, a atu­a­ção irá ocor­rer du­ran­te o tur­no de tra­ba­lho. Ele ne­gou que o aten­di­men­to no trânsito irá se tor­nar o ser­vi­ço pri­mor­di­al da cor­po­ra­ção. “O guar­da con­ti­nu­a­rá de­sen­vol­ven­do sua ati­vi­da­de pri­má­ria e, se ele de­pa­rar com si­tu­a­ção de trânsito, po­de­rá atu­ar e dar a res­pos­ta ime­di­a­ta pa­ra a po­pu­la­ção.”

De­man­das re­la­ti­vas ao trânsito con­ti­nu­am sen­do re­ce­bi­das pe­los ór­gãos com­pe­ten­tes que já de­sem­pe­nham a fun­ção. “A in­cum­bên­cia pri­mor­di­al é da CMTU (Com­pa­nhia Mu­ni­ci­pal do Trânsito e Ur­ba­ni­za­ção) e da PM (Po­lí­cia Mi­li­tar). A po­lí­cia no que se re­fe­re à ela­bo­ra­ção de bo­le­tim e aten­di­men­to de aci­den­tes e a CMTU no trânsito em ge­ral”, es­cla­re­ceu. “Já os guar­das es­tão dis­po­ní­veis pa­ra au­xi­li­ar na­qui­lo que for pos­sí­vel e ne­ces­sá­rio”, fri­sou.

TREI­NA­MEN­TO

A ca­pa­ci­ta­ção dos 21 agen­tes foi re­a­li­za­da nos me­ses de se­tem­bro e ou­tu­bro, com car­ga de 200 ho­ras. A for­ma­ção foi mi­nis­tra­da por mem­bros da co­or­de­na­ção de edu­ca­ção da di­re­to­ria de Trânsito da CMTU, com au­las teó­ri­cas e prá­ti­cas, e se­guiu o CTB (Có­di­go de Trânsito Bra­si­lei­ro). A ação dos guar­das co­mo agen­tes de trânsito ain­da po­de­rá ocor­rer em si­tu­a­ções co­mo per­tur­ba­ção de sos­se­go, som al­to, dis­pu­ta de cor­ri­da, di­re­ção sob efei­to de ál­co­ol e even­tos.

“O nos­so ob­je­ti­vo é pres­tar um ser­vi­ço me­lhor pa­ra a po­pu­la­ção. Se te­mos mais agen­tes nas ru­as, po­de­mos so­cor­rer as pes­so­as num mo­men­to in­for­tu­no no trânsito, já que te­mos guar­das na rua e pa­tru­lhan­do os pré­di­os mu­ni­ci­pais. Em fren­te de uma es­co­la, por exem­plo, se o agen­te no­tar uma in­fra­ção de trânsito, co­lo­can­do em ris­co a vi­da de uma cri­an­ça, te­mos o ser­vi­dor pa­ra in­ter­vir.”

TUR­NOS

São cin­co guar­das por tur­no de ser­vi­ço, 24 ho­ras por dia e du­ran­te to­da a se­ma­na, que po­dem exer­cer a fun­ção de agen­te de trânsito, prin­ci­pal­men­te quan­do a CMTU não es­tá aten­den­do, co­mo no pe­río­do no­tur­no. “O mo­men­to que tem uma interdição de via, acidente e não há o agen­te da CMTU pa­ra ori­en­tar, po­de­mos aju­dar”, des­ta­cou. A com­pa­nhia fez a ces­são de qua­tro apa­re­lhos pa­ra im­pres­são de in­fra­ção à GM.

O se­cre­tá­rio de De­fe­sa So­ci­al des­car­tou, por en­quan­to, que mais ser­vi­do­res re­ce­bam a ca­pa­ci­ta­ção. A ideia é que o con­teú­do se­ja in­te­gra­do e adap­ta­do à gra­de da cor­po­ra­ção pa­ra no­vos agen­tes, que de­ve­rão ser con­tra­ta­dos em con­cur­so pú­bli­co a ser lan­ça­do. “Quan­do faz o cur­so de­man­da um afas­ta­men­to de cer­ca de seis se­ma­nas. Nes­te pe­río­do de fim ano não po­de­mos abrir mão de mais 20, 30 guar­das por es­te tem­po, pois, po­de com­pro­me­ter.” Atu­al­men­te são cer­ca de 320 guar­das.

Gi­na Mar­do­nes

A CMTU fez a ces­são de qua­tro apa­re­lhos pa­ra im­pres­são de in­fra­ção

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.