Opep anun­cia cor­te na pro­du­ção, e pre­ço do pe­tró­leo dispara

Folha de S.Paulo - - Mercado - Fi­nan­ci­al Ti­mes, tra­du­ção de Pau­lo Mi­gli­ac­ci

A Opep (Or­ga­ni­za­ção dos Paí­ses Ex­por­ta­do­res de Pe­tró­leo) e seus ali­a­dos che­ga­ram a acor­do pa­ra re­du­zir a pro­du­ção em 1,2 mi­lhão de bar­ris ao dia, de­sa­fi­an­do os apelos de Do­nald Trump pa­ra que man­ti­ves­sem a pro­du­ção ele­va­da.

Com o acer­to, o pre­ço do pe­tró­leo ti­po Brent avan­çou qua­se 3%, ao re­dor de US$ 61.

O acor­do foi fe­cha­do em Vi­e­na nes­ta sex­ta (7). A Ará­bia Sau­di­ta, mai­or pro­du­to­ra da Opep e pa­ra to­dos os efei­tos lí­der da or­ga­ni­za­ção, pres­si­o­nou pe­lo cor­te.

A ação sau­di­ta acon­te­ceu a des­pei­to da pres­são de Trump pe­la ma­nu­ten­ção dos pre­ços bai­xos e re­fle­te a ne­ces­si­da­de de re­cei­tas mais al­tas, pa­ra que sau­di­tas con­si­gam cum­prir seus pla­nos de in­ves­ti­men­to.

De­le­ga­dos pre­sen­tes à reu­nião dis­se­ram que o ob­je­ti­vo do acor­do era ate­nu­ar a pre­o­cu­pa­ção com o ex­ce­den­te de pro­du­ção, que der­ru­bou os pre­ços do pe­tró­leo em 30% nos dois úl­ti­mos me­ses.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.