ANDARAÍ, Bahia

Boa pa­ra: Re­no­var as ener­gi­as em águas do­ces.

Go Outside (Brazil) - - GO OUTSIDE -

ELE NAS­CE NO AL­TO da Cha­pa­da Di­a­man­ti­na e de­sem­bo­ca na Baía de To­dos-os­san­tos, no li­to­ral pró­xi­mo à ca­pi­tal, Sal­va­dor. Com 600 km de cur­so, o Pa­ra­gua­çu é o mai­or rio bai­a­no e faz par­te da vi­da dos lo­cais. É qua­se im­pos­sí­vel achar al­guém nas su­as mar­gens que não te­nha his­tó­ri­as li­ga­das às su­as águas. Na al­tu­ra de Andaraí, ainda na Cha­pa­da Di­a­man­ti­na, o Pa­ra­gua­çu pos­sui um char­me es­pe­ci­al: ex­ten­sas praias de areia clara, per­fei­tas pa­ra cur­tir um ba­nho.

As águas ra­sas e a cor­ren­te­za tran­qui­la du­ran­te a mai­or par­te do ano cri­am um am­bi­en­te agra­dá­vel em meio ao en­tor­no de ve­ge­ta­ção mar­can­te do cer­ra­do. Um dos aces­sos mais re­co­men­da­dos – pe­la fa­ci­li­da­de e pro­xi­mi­da­de com o cen­tro da ci­da­de – é via ca­cho­ei­ra da Do­na­na, per­to do lin­do câ­ni­on do Pa­ra­gua­çu. O enor­me lei­to, aliás, her­da seu no­me do tu­pi: “rio gran­de”. Por ali, as áre­as de praia tam­bém são ex­ten­sas e che­gam a se es­pa­lhar por até 4 km.

A vi­si­ta já é bem es­pe­ci­al, mas ga­nha ainda mais sig­ni­fi­ca­do jun­to dos atra­ti­vos nos ar­re­do­res. A re­gião tem vo­ca­ção pa­ra tu­ris­mo de aven­tu­ra, com pos­si­bi­li­da­de de re­ma­das no Pan­ta­nal dos Ma­rim­bus, ro­lês de bike en­tre os vi­la­re­jos lo­cais, as gru­tas e os po­ços (co­mo o Azul e o En­can­ta­do), além de inú­me­ras ca­cho­ei­ras. Co­mo as lon­gas dis­tân­ci­as cos­tu­mam ser um de­sa­fio pa­ra co­nhe­cer tan­ta coi­sa, Andaraí aca­ba sen­do um bom pon­to es­tra­té­gi­co en­tre os prin­ci­pais atra­ti­vos da cha­pa­da, me­nos afe­ta­do pe­lo tu­ris­mo em mas­sa em cen­tros co­mo Len­çóis.

Se­guin­do o cur­so do Pa­ra­gua­çu, ainda den­tro dos li­mi­tes de Andaraí, ou­tra pa­ra­da im­per­dí­vel é co­nhe­cer Xi­que-xi­que de Iga­tu. Es­sa pi­to­res­ca ci­da­de de pe­dra dei­xou de ser um po­lo de ex­plo­ra­ção de di­a­man­tes pa­ra se tor­nar um des­ti­no tu­rís­ti­co bem par­ti­cu­lar e en­can­ta­dor. Fu­gin­do do pe­río­do de pi­co do verão (até pa­ra evi­tar chu­vas e con­se­quen­tes chei­as re­pen­ti­nas e pe­ri­go­sas nos ri­os), to­da a re­gião cos­tu­ma ter um cli­ma mais agra­dá­vel e ame­no, so­bre­tu­do à noi­te. Nos di­as de sol, po­de ter cer­te­za de que um bom lu­gar pa­ra vi­si­tar é a bei­ra do Pa­ra­gua­çu.

ON­DE FI­CAR: Vo­cê vai se sen­tir em ca­sa na Pou­sa­da Sin­co­rá (sin­co­ra.com.br), com um de­li­ci­o­so ca­fé da ma­nhã re­ple­to de pro­du­tos e re­cei­tas lo­cais e óti­mas di­cas de es­ca­pa­das outdoor.

DI­CA: Pla­ne­je um trek­king pe­la his­tó­ri­ca Ladeira do Im­pé­rio. Ela co­nec­ta Andaraí com a par­te me­nos vi­si­ta­da do Va­le do Pa­ti. Gui­as lo­cais aju­dam a mon­tar a lo­gís­ti­ca cor­re­ta: ACVA (fb. com/as­so­ci­a­ção­dos-con­du­to­res-de­vi­si­tan­tes-de-andaraí).

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.