PRE­JUÍ­ZO NO TRI­MES­TRE BA­TE R$ 1,3 BI

Jornal da Metrópole - - Bahia -

A per­da é 70 ve­zes mai­or do que a re­gis­tra­da em 2017

O ter­cei­ro tri­mes­tre do ano pa­ra a Oi foi de far­to pre­juí­zo. De acor­do com di­vul­ga­ção de re­la­tó­rio da em­pre­sa, o rom­bo no pe­río­do foi de R$ 1,336 bi­lhão. A per­da é 70 ve­zes mai­or do que a re­gis­tra­da no mes­mo tri­mes­tre de 2017, quan­do a com­pa­nhia te­ve um es­tra­go de R$ 19 mi­lhões.

A mai­or par­te do sal­to no pre­juí­zo da Oi es­tá re­la­ci­o­na­da à os­ci­la­ção cam­bi­al.

A ope­ra­do­ra apre­sen­tou um re­sul­ta­do fi­nan­cei­ro lí­qui­do con­so­li­da­do ne­ga­ti­vo de R$ 1,455 bi­lhão no ter­cei­ro tri­mes­tre de 2018, an­te um re­sul­ta­do po­si­ti­vo de R$ 17 mi­lhões no mes­mo pe­río­do de 2017.

De acor­do com a com­pa­nhia, o re­sul­ta­do ruim foi vi­ta­mi­na­do pe­la va­lo­ri­za­ção do re­al fren­te ao dó­lar e ao eu­ro, que acon­te­ceu há cer­ca de um ano. Is­so im­pac­tou po­si­ti­va­men­te as dí­vi­das nas du­as mo­e­das. Co­mo con­sequên­cia, a te­le apu­rou uma re­cei­ta fi­nan­cei­ra de R$ 857 mi­lhões no ter­cei­ro tri­mes­tre de 2017, con­tri­buin­do pa­ra me­lho­rar o ba­lan­ço da­que­le pe­río­do, o que não acon­te­ceu nes­te ano.

Te­le­fo­ne pú­bli­co, co­nhe­ci­do po­pu­lar­men­te co­mo “ore­lhão”, é re­tra­to de de­ca­dên­cia da Oi

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.