IN­VEN­TOR CON­TA QUE FOI ABANDONADO NA IN­FÂN­CIA

Jornal da Metrópole - - Cidade -

A his­tó­ria pes­so­al de Antô­nio Sér­gio da Pai­xão San­tos é ro­tei­ro para um épi­co. “Com 16 di­as de vi­da fui jo­ga­do no li­xo pe­la mu­lher que me pa­riu. Pas­sei mui­ta fo­me, co­mi mui­to pei­xi­nho do Di­que, mas dou gra­ças a Deus por ser quem eu sou”, diz, sem re­vol­ta.

Pe­lo con­trá­rio, nem a mi­sé­ria o im­pe­diu de se apai­xo­nar pe­las dis­co­te­cas, nem a pou­ca ins­tru­ção (“es­tu­dei só até a 2ª sé­rie”) o ve­dou de ser, de fa­to, um en­ge­nhei­ro.

As so­lu­ções en­con­tra­das por ele, fun­ci­o­nal e es­te­ti­ca­men­te in­va­do­ras, va­lem mais que mil di­plo­mas no país dos ba­cha­réis.

Trio, se­gun­do cri­a­dor, se en­cai­xa­ria per­fei­ta­men­te no Fur­dun­ço, pré-car­na­val de Sal­va­dor

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.