Ades­trar é im­por­tan­te

Malu - - Meu pet, minha vida -

• Nes­ta úl­ti­ma co­lu­na na Ma­lu, que­ro re­for­çar a im­por­tân­cia do ades­tra­men­to ca­ni­no re­a­li­za­do por um pro­fis­si­o­nal qua­li­fi­ca­do.

• Mui­tas ve­zes, o trei­na­men­to fei­to por um ades­tra­dor é vis­to co­mo um lu­xo des­ne­ces­sá­rio. Ou­tros do­nos de cães pen­sam na pos­si­bi­li­da­de de ades­trar ape­nas quan­do sur­gem pro­ble­mas de com­por­ta­men­to.

• Po­rém, o trei­na­men­to é uma for­ma de for­ta­le­cer a re­la­ção en­tre o cão e seu do­no. Com a aju­da de um ades­tra­dor, a co­mu­ni­ca­ção fi­ca mais cla­ra e is­so pre­vi­ne ou di­mi­nui o sur­gi­men­to de pro­ble­mas.

• Lem­bre-se, ca­chor­ro que não tem re­gras ou li­mi­tes tem inú­me­ros com­por­ta­men­tos in­de­se­ja­dos, sim­ples­men­te por­que não sa­bem o que é es­pe­ra­do de­les.

• Vo­cê po­de co­me­çar um trei­na­men­to em ca­sa. Na ver­da­de, du­ran­te to­do o tem­po que pas­sa­mos com nos­sos cães es­ta­mos en­si­nan­do al­go a eles, mes­mo sem per­ce­ber.

• E se qui­ser avan­çar nos en­si­na­men­tos, con­sul­te um ades­tra­dor. Mui­tos ofe­re­cem pa­co­tes aces­sí­veis a quem não tem con­di­ções de pa­gar por um trei­na­men­to com­ple­to.

• Obri­ga­do a to­das as lei­to­ras que me acom­pa­nha­ram por aqui. Até a pró­xi­ma!

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.