Mas­sa­cre no Ce­a­rá

Fa­mí­lia fei­ta re­fém por la­drões de ban­co é mor­ta

Meiahora - RJ - - DE TUDO UM POUCO -

Do­ze pes­so­as mor­re­ram na ma­dru­ga­da de on­tem du­ran­te con­fron­to en­tre la­drões de ban­co e po­li­ci­ais na ci­da­de de Mi­la­gres (CE). Os mor­tos fo­ram seis reféns — cin­co da mes­ma fa­mí­lia — e seis ban­di­dos.

Nu­ma estrada, a qua­dri­lha ar­ma­da com fu­zis pa­rou o car­ro em que fa­mí­lia vol­ta­va do ae­ro­por­to de Ju­a­zei­ro do Nor­te e fez os reféns. Em se­gui­da, por vol­ta de 2h da ma­dru­ga­da, os ban­di­dos ata­ca­ram uma agência do Ban­co do Brasil e ou­tra do Bra­des­co no cen­tro da ci­da­de. Po­li­ci­ais re­a­gi­ram e hou­ve in­ten­so con­fron­to por cerca de 20 mi­nu­tos. Os seis reféns e os seis ban­di­dos mor­re­ram na tro­ca de ti­ros.

O em­pre­sá­rio João Ba­tis­ta Ma­ga­lhães, 46 anos, saiu de Ser­ra Ta­lha­da (PE) com o fi­lho Vi­ní­cius de Sou­za Ma­ga­lhães, 14 anos, pa­ra bus­car no ae­ro­por­to a cu­nha­da Clau­di­nei­de Cam­pos de Sou­za, 42 anos, o ma­ri­do de­la, Cí­ce­ro Te­nó­rio dos San­tos, 60, e o fi­lho do ca­sal, Gustavo Te­nó­rio dos San­tos, 13 anos, que vi­nham de São Pau­lo pa­ra o fim de ano.

Já a sex­ta pes­soa que fi­cou em poder dos ban­di­dos e mor­reu foi iden­ti­fi­ca­da co­mo Fran­cis­ca Ede­ni­ce. Ela foi fei­ta re­fém com o ir­mão e o pai, mas es­te co­me­çou a pas­sar mal e os dois fo­ram li­be­ra­dos pa­ra bus­car so­cor­ro.

Um ho­mem usan­do um co­le­te à pro­va de ba­las foi en­con­tra­do mor­to em um car­ro. Fo­ram pre­sos três sus­pei­tos e apre­en­di­dos três­car­ros,uma­pis­to­la9­mi­lí­me­tros, um re­vól­ver ca­li­bre 38, uma ar­ma ca­li­bre 12.

O mu­ni­cí­pio de Mi­la­gres fi­ca a 487 km de For­ta­le­za e tem cerca de 28 mil ha­bi­tan­tes. O ban­do te­ria as­sal­ta­do um ca­mi­nhão no km 495 da BR-116, en­tre Bre­jo San­to e Mi­la­gres.

RE­PRO­DU­ÇÃO

João Ba­tis­ta e o fi­lho Vi­ní­cius

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.