São Pau­lo. Pro­je­to quer re­du­ção de 80% da po­pu­la­ção da Cra­co­lân­dia

Metro Brasil (ABC) - - BRASIL -

A Pre­fei­tu­ra de São Pau­lo quer re­ti­rar das ru­as da Cra­co­lân­dia 80% dos usuá­ri­os de dro­gas até o fim do ano que vem. Es­sa é uma das pre­mis­sas da 2ª fa­se do Pro­gra­ma Re­den­ção, anun­ci­a­da on­tem. Além de bus­car re­du­zir o nú­me­ro de usuá­ri­os na re­gião da Luz, a ini­ci­a­ti­va ofe­re­ce­rá 600 va­gas de bol­sa tra­ba­lho por meio do Si­at (Ser­vi­ço In­te­gra­do de Aco­lhi­da Te­ra­pêu­ti­ca). O or­ça­men­to pre­vis­to é de R$ 276,1 mi­lhões.

O Pro­gra­ma Ope­ra­ção Tra­ba­lho ofe­re­ce­rá em­pre­gos de 20 ho­ras se­ma­nais e au­xí­lio-fi­nan­cei­ro de R$ 698, mas so­men­te a quem es­ti­ver em tra­ta­men­to.

Pa­ra a se­cre­tá­ria mu­ni­ci­pal de De­sen­vol­vi­men­to Econô­mi­co e Tra­ba­lho, Ali­ne Car­do­so, a fa­lha do pro­gra­ma Bra­ços Aber­tos, da ges­tão Fer­nan­do Had­dad (PT), que usa­va o mes­mo prin­cí­pio, era que “ape­nas 35% ti­nham au­to­no­mia; 67% es­ta­vam fo­ra dos re­qui­si­tos; e ape­nas 45% ti­nham frequên­cia sa­tis­fa­tó­ria”.

A as­ses­so­ria do ex-pre­fei­to de­cla­rou que “a ges­tão Had­dad foi a pri­mei­ra na Amé­ri­ca La­ti­na a pro­cu­rar uma so­lu­ção não ma­ni­co­mi­al, apre­sen­tan­do re­sul­ta­dos ex­pres­si­vos.”

Nas úl­ti­mas três se­ma­nas, dois epi­só­di­os de con­fli­tos en­tre usuá­ri­os e agen­tes de se­gu­ran­ça re­sul­ta­ram em de­pre­da­ção, dis­pa­ro de bom­bas, um ho­mem fe­ri­do por ti­ro na per­na e uma mu­lher mor­ta.

| ROVENA RO­SA/AGÊN­CIA BR

Usuá­ri­os de dro­gas na área co­nhe­ci­da co­mo Cra­co­lân­dia

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.