Fa­mí­lia afir­ma que jo­vem pas­sa­va por tra­ta­men­to

Metro Brasil (ABC) - - BRASIL -

Fa­mi­li­a­res dis­se­ram à po­lí­cia que Wil­li­an Au­gus­to da Sil­va era tran­qui­lo e que pas­sa­va por tra­ta­men­to psi­co­ló­gi­co. O pri­mo Ale­xan­dre Sil­va con­tou a jor­na­lis­tas que o se­ques­tra­dor ti­nha sin­to­mas de de­pres­são. “O com­por­ta­men­to de­le em fa­mí­lia era nor­mal. Só que de­pois que ele alar­mou is­so [de­pres­são] a gen­te pro­cu­rou tra­tar es­sa par­te.” Sil­va pe­diu des­cul­pas pes­so­al­men­te aos 39 re­féns em no­me da fa­mí­lia.

A mãe do se­ques­tra­dor, Re­na­ta Paula da Sil­va, dis­se em de­poi­men­to que o fi­lho apre­sen­ta­va trans­tor­nos men­tais, não ti­nha ami­gos e era an­si­o­so. De acor­do com a po­lí­cia, ela cho­ra­va mui­to e que­ria sa­ber se o jo­vem ti­nha ma­chu­ca­do al­guém.

| REPRODUÇÃO

Se­ques­tra­dor Wil­li­an Au­gus­to Sil­va

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.