Aten­de Fá­cil dis­tri­bui re­mé­di­os de al­to cus­to

Far­má­cia de Medicament­os Es­pe­ci­a­li­za­dos foi inau­gu­ra­da em SCS e de­ve be­ne­fi­ci­ar 4,2 mil

Metro Brasil (ABC) - - PRIMEIRA PÁGINA -

Os mo­ra­do­res de São Ca­e­ta­no que uti­li­zam re­mé­di­os de al­to cus­to ago­ra po­de­rão re­ti­rá-los bem mais per­to de ca­sa. Foi inau­gu­ra­da on­tem a FME (Far­má­cia de Medicament­os Es­pe­ci­a­li­za­dos) no Aten­de Fá­cil da ci­da­de, no Cen­tro.

Atu­al­men­te, os pa­ci­en­tes que mo­ram no mu­ni­cí­pio pre­ci­sam se des­lo­car até o Hos­pi­tal Es­ta­du­al Má­rio Co­vas, em San­to André, pa­ra re­ti­rar os re­mé­di­os. São fre­quen­tes as re­cla­ma­ções de fi­las gran­des e de­mo­ra no aten­di­men­to.

De acor­do com o go­ver­no es­ta­du­al, a par­tir des­ta se­ma­na os mo­ra­do­res já po­de­rão pro­to­co­lar a so­li­ci­ta­ção do ser­vi­ço pa­ra uti­li­zar a far­má­cia da ci­da­de ou o pe­di­do de re­no­va­ção.

Os pro­to­co­los que au­to­ri­zam a dis­tri­bui­ção dos medicament­os pos­su­em du­ra­ção de três me­ses. Por is­so, quem es­tá em aten­di­men­to no Má­rio Co­vas de­ve con­cluir a re­ti­ra­da no hos­pi­tal e de­pois mi

grar pa­ra a far­má­cia de São Ca­e­ta­no.

A ex­pec­ta­ti­va do es­ta­do é que to­dos os pa­ci­en­tes da ci­da­de es­te­jam ca­das­tra­dos no Aten­de Fá­cil do mu­ni­cí­pio até de­zem­bro. O lo­cal vai fun­ci­o­nar de se­gun­da a sex­ta, das 8h às 18h, e sá­ba­do, das 8h às 12h.

A ins­ta­la­ção da uni­da­de em São Ca­e­ta­no foi o se­gun­do pas­so do pro­je­to de des­cen­tra­li­za­ção da en­tre­ga de medicament­os de al­to cus­to no ABC, fei­to pe­lo go­ver­no es­ta­du­al. A pri­mei­ra ação ocor­reu em maio, quan­do um no­vo pon­to de aten­di­men­to no Pou­pa­tem­po de São Ber­nar­do foi inau­gu­ra­do.

| DIVULGAÇÃO

Uni­da­de fi­ca lo­ca­li­za­da no Aten­de Fá­cil de São Ca­e­ta­no

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.