LI­NHA DO TEM­PO

Metro Brasil (ABC) - - BRASIL -

26.mai.1914 – Nas­ce Ma­ria Ri­ta de Sou­za Bri­to Lo­pes Pon­tes em Sal­va­dor

1933 – In­gres­sa na Con­gre­ga­ção das Ir­mãs Mis­si­o­ná­ri­as da Ima­cu­la­da Con­cei­ção da Mãe de Deus, em Ser­gi­pe, re­ce­be o há­bi­to e ado­ta, em ho­me­na­gem à mãe, o no­me de Ir­mã Dul­ce

1949 – Em Sal­va­dor, após au­to­ri­za­ção da su­pe­ri­o­ra, ocu­pa um ga­li­nhei­ro ao la­do do con­ven­to pa­ra aten­der do­en­tes 1959 – Ins­ta­la­da no lo­cal a As­so­ci­a­ção Obras So­ci­ais Ir­mã Dul­ce

13.mar.1992 - Ir­mã Dul­ce mor­re em Sal­va­dor

OS MI­LA­GRES

Da be­a­ti­fi­ca­ção

Após dar à luz seu se­gun­do fi­lho, Ga­bri­el, em 11 de ja­nei­ro de 2001, Clau­dia Cris­ti­na dos San­tos so­freu uma for­te he­mor­ra­gia, du­ran­te 18 ho­ras. O mé­di­co diz à fa­mí­lia que ape­nas “uma aju­da di­vi­na” po­de­ria sal­vá-la. Cha­ma­do ao lo­cal, o pa­dre Jo­sé Al­mí faz cor­ren­te de ora­ção pe­din­do a in­ter­ces­são de Ir­mã Dul­ce e deu a Cláudia uma pe­que­na re­lí­quia da frei­ra. A he­mor­ra­gia ces­sou su­bi­ta­men­te

Da ca­no­ni­za­ção

Aos 22 anos, o mú­si­co Jo­sé Mau­rí­cio Mo­rei­ra te­ve um di­ag­nós­ti­co de glau­co­ma des­co­ber­to tar­di­a­men­te. Mes­mo com tra­ta­men­to por dez anos, na vi­ra­da do ano de 1999 pa­ra 2000, ele fi­cou to­tal­men­te ce­go de am­bos os olhos. Em 2014, Mau­rí­cio te­ve con­jun­ti­vi­te que cau­sou for­tes do­res. Ele pe­gou uma ima­gem de Ir­mã Dul­ce a co­lo­cou so­bre os olhos e fez uma ora­ção pe­din­do pa­ra ces­sa­rem as do­res. Ao acor­dar, Mau­rí­cio per­ce­beu en­tão que ti­nha vol­ta­do a en­xer­gar.

Aos 20 anos, lo­go de­pois de vi­rar frei­ra

Na 1ª co­mu­nhão, em 1922

Aten­de pa­ci­en­te no ga­li­nhei­ro ocu­pa­do

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.