Equi­pe es­tu­da re­for­ma sem PEC

Metro Brazil (Belo Horizonte) - - BRASIL -

O pre­si­den­te elei­to Jair bol­so­na­ro po­de tra­ba­lhar pa­ra apro­var, ain­da nes­se ano, al­guns pon­tos da re­for­ma da pre­vi­dên­cia que pre­ci­sem ape­nas de mai­o­ria no Con­gres­so, sem a ne­ces­si­da­de de uma PEC (Pro­pos­ta de Emen­da à Cons­ti­tui­ção).

A PEC é mais di­fí­cil de ser apro­va­da por­que exi­ge três quin­tos da Câ­ma­ra (308 fa­vo­rá­veis en­tre os 513 deputados) e não po­de ser apro­va­da em si­tu­a­ções co­mo a in­ter­ven­ção fe­de­ral no Rio de Ja­nei­ro, o que pa­ra­li­sou a tra­mi­ta­ção da re­for- ma pro­pos­ta pe­lo pre­si­den­te Mi­chel Te­mer nes­te ano.

Bol­so­na­ro ten­ta apro­fun­dar a dis­cus­são com par­la­men­ta­res. Wil­son Wit­zel (PSC), go­ver­na­dor elei­to do Rio de Ja­nei­ro e ali­a­do de Bol­so­na­ro, afir­mou que há a ne­ces­si­da­de de man­ter a in­ter­ven­ção no Rio até o fim do ano. “A Pre­vi­dên­cia de­ve ser ape­nas na par­te in­fra­cons­ti­tu­ci­o­nal, por­tan­to é man­ti­da a in­ter­ven­ção até de­zem­bro”, diz. Bol­so­na­ro te­ve on­tem seu ter­cei­ro e úl­ti­mo dia de agenda em Bra­sí­lia na se­ma­na.

| FER­NAN­DO FRAZÃO / ABR

Após três di­as em Bra­sí­lia, Bol­so­na­ro vol­tou on­tem ao Rio

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.