Gran­des em­pre­sas ga­nham isen­ção de im­pos­tos e ta­xas

Pre­fei­tu­ra re­gu­la­men­ta lei que re­duz de 5% pa­ra 2% a alí­quo­ta de ISS e dis­pen­sa pa­ga­men­to de IPTU

Metro Brazil (Campinas) - - Primeira Página -

A 18 di­as do se­gun­do tur­no das elei­ções, as cam­pa­nhas dos pre­si­den­ciá­veis Jair Bol­so­na­ro (PSL) e de Fer­nan­do Had­dad (PT), já tra­çam es­tra­té­gi­as pa­ra con­quis­tar o elei­tor de Campinas. En­quan­to os apoi­a­do­res do ca­pi­tão apos­tam em pas­se­a­tas e gran­des eventos, os pe­tis­tas vão no cor­po a cor­po com os elei­to­res.

E eles es­tão de olho nos vo­tos. Em Campinas, Bol­so­na­ro le­vou van­ta­gem. Ele te­ve 55,8% – 336.703 vo­tos en­quan­to Had­dad fi­cou com 15,76% – 95.083 vo­tos.

O ve­re­a­dor Te­nen­te San­ti­ni, que não é do PSL, mas é o ho­mem da cam­pa­nha na­ci­o­nal de Bol­so­na­ro na ci­da­de, dis­se que a es­tra­té­gia se­rá in­ves­tir nas re­des so­ci­ais e em gran­des eventos, co­mo uma pas­se­a­ta que es­tá sen­do or­ga­ni­za­da es­pon­ta­ne­a­men­te por vá­ri­os gru­pos no dia 21, uma se­ma­na an­tes das elei­ções. “Co­mo são vá­ri­os eventos con­vo­ca­dos pa­ra o mes­mo dia, va­mos ten­tar uni­fi­cá-los”, dis­se ele. Pau­lo Gas­par, co­or­de­na­dor do MBL de Campinas, dis­se que a pas­se­a­ta con­vo­ca­da pe­lo mo­vi­men­to tem a ex­pec­ta­ti­va de reu­nir cer- ca de 50 mil pes­so­as, mes­mo nú­me­ro de pes­so­as que fo­ram às ru­as de Campinas pa­ra pe­dir o im­pe­a­ch­ment de Dil­ma Rous­seff, se­gun­do ele. “Nos­so mo­vi­men­to é con­tra o PT. Nos­sa agen­da é com­ple­ta­men­te di­fe­ren­te da de­les. So­mos fa­vo­rá­veis ao li­be­ra­lis­mo econô­mi­co e so­mos con­ser­va­do­res no cos­tu­mes. E, cla­ro, con­tra a cor­rup­ção”, dis­se ele.

A con­cen­tra­ção se­rá no Lar­go do Ro­sá­rio, a par­tir das 10h.

Gas­par dis­se que já con­tra­tou dois tri­os elé­tri­cos. “De­pen­de­mos da ‘va­qui­nha vir- tu­al’ pa­ra sa­be­mos o que va­mos fa­zer mais”, dis­se ele.

O pre­si­den­te do PT de Campinas, Dur­val de Car­va­lho, dis­se que a mis­são na ci­da­de é cri­ar uma fren­te de­mo­crá­ti­ca que vai reu­nir in­te­lec­tu­ais, par­ti­dos, ar­tis­tas, mo­vi­men­tos so­ci­ais e re­li­gi­o­sos. “Pre­ci­sa­mos bar­rar a tra­gé­dia anun­ci­a­da do ex­tre­mis­mo ra­di­cal e da re­ti­ra­da dos di­rei­tos das mi­no­ri­as”, dis­se ele. A par­tir dai, o par­ti­do vai fa­zer o cor­po a cor­po com o elei­tor. “Va­mos di­a­lo­gar com a ci­da­da­nia or­ga­ni­za­da e que tem ide­ais hu­ma­ni­tá­ri­os e va­lo­res ci­vi­li­za­tó­ri­os”, dis­se ele.

Num se­gun­do mo­men­to, há a pre­vi­são de eventos mai­o­res, co­mo pas­se­a­ta no cen­tro. “Vai mos­trar que nos­so go­ver­no ge­rou em­pre­go. Qu­e­re­mos mos­trar que a po­pu­la­ção tem mui­to a per­der. Vai ser uma cam­pa­nha de con­ven­ci­men­to da po­pu­la­ção pa­ra der­ro­tar o fas­cis­mo e es­se pro­je­to per­ver­so”, dis­se Car­va­lho.

| MAYCON SOLDAN /FOLHAPRESS

Car­re­a­ta em fa­vor de Bol­so­na­ro

| LUCIANO CLAUDINO/FOLHAPRESS

Pro­tes­to “Ele Não” em Campinas

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.