TEM­PES­TA­DE PER­FEI­TA

TOP 5 DO SUFRE MUN­DI­AL REUNE TRES BRA­SI­LEI­ROS PE­LA 1A VEZ

Metro Brazil (Sao Paulo) - - Primeira Página -

Des­de o sur­gi­men­to da “Bra­zi­li­an Storm”, co­mo foi cha­ma­da a nova geração de atle­tas bra­si­lei­ros no cir­cui­to mun­di­al de sur­fe, a tem­po­ra­da 2018 tem se de­se­nha­do a de me­lhor de­sem­pe­nho nas on­das. Fal­tan­do ape­nas três eta­pas pa­ra o tér­mi­no do cam­pe­o­na­to, três dos qu­a­tro pri­mei­ros co­lo­ca­dos são bra­zu­cas – situação que era iné­di­ta e im­pen­sá­vel há até pou­cos anos.

E não é pa­ra me­nos. O do­mí­nio tem si­do gi­gan­tes­co. Das oi­to eta­pas re­a­li­za­das até aqui, ape­nas a pri­mei­ra não foi ven­ci­da por um sur­fis­ta bra­si­lei­ro. Lá em Gold Co­ast a vitória fi­cou pa­ra o aus­tra­li­a­no Ju­li­an Wil­son, jus­ta­men­te o “in­tru­so” no top-4.

Na úl­ti­ma pro­va, na es­treia das on­das ar­ti­fi­ci­ais da Run­ch Pro, na Ca­li­fór­nia, Ga­bri­el Me­di­na le­vou a me­lhor. O cam­peão de 2014, po­rém, é o se­gun­do. A pon­ta se­gue nas mãos de Fi­li­pe To­le­do, com Íta­lo Ferreira em quar­to.

Além de te­rem re­no­va­do o sur­fe, es­pe­ci­al­men­te com o uso das ma­no­bras aé­re­as, a geração bra­si­lei­ra tam­bém tem to­ma­do as ré­de­as da “tro­ca de gu­ar­da”, no mo­men­to que sa­em de ce­na Kelly Sla­ter, Mick Fan­ning, Jo­el Parkinson... além de John John Florence, atu­al bi­cam­peão, es­tar lesionado e fo­ra da tem­po­ra­da.

MON­TA­GEM SO­BRE FO­TOS/ GETTY IMA­GES

Íta­lo Ferreira, 4º no Mun­di­al Ga­bri­el Me­di­na,2º co­lo­ca­doFi­li­pe To­le­do, lí­der do cam­pe­o­na­to

SE­AN M. HAFFEY/GETTY IMA­GES

www.me­tro­jor­nal.com.br FI­LI­PE TO­LE­DO Na­tu­ral de Uba­tu­ba, o sur­fis­ta de 23 anos es­tá no cir­cui­to des­de 2013 e per­se­gue seu pri­mei­ro tí­tu­lo.Li­de­ra o Mun­di­al

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.