VW Golf

Em tem­pos de va­cas ma­gras, um mo­de­lo de res­pei­to

Motorshow - - Hatch Médio - João Anacleto

Os hat­ches mé­di­os há al­gum tem­po não apa­re­cem na mi­ra do con­su­mi­dor que pla­ne­ja tro­car de car­ro. Com po­si­ci­o­na­men­tos de pre­ços res­va­lan­do nas op­ções de SUVs, su­as ven­das ca­em a ca­da ano. A sé­ti­ma ge­ra­ção do Golf de­sem­bar­cou por aqui em ou­tu­bro de 2013 im­por­ta­da da Ale­ma­nha, e em seu pri­mei­ro ano de ven­das, 2014, em­pla­cou 16.118 uni­da­des. Já em 2017, im­por­ta­do do Mé­xi­co, ele ven­deu 3.955 uni­da­des. Em 2018, até ou­tu­bro, não che­gou nem a 2.500 fe­li­zar­dos. Mas co­mo cha­mar quem com­pra um car­ro que nin­guém quer de fe­li­zar­do? O Golf é um sinô­ni­mo de pra­zer ao di­ri­gir, e ain­da que is­so não di­ga mui­to pa­ra quem só quer um car­ro pa­ra ir aqui e aco­lá, te­mos a obri­ga­ção de con­tar is­so pa­ra vo­cê. Mes­mo com um seg­men­to à mín­gua – per­ce­ba que ele foi sim­ples­men­te o úni­co hat­ch mé­dio a re­ce­ber atu­a­li­za­ções sig­ni­fi­ca­ti­vas pa­ra 2019 – va­le a pe­na olhar com um cer­to carinho pa­ra es­te gran­de car­ro.

Ago­ra ele tam­bém po­de ser com­pra­do na efi­ci­en­te ver­são 1.0 Com­for­tli­ne, com o mes­mo con­jun­to me­câ­ni­co da fa­mí­lia Po­lo/Virtus, que che­ga a 11,4 km/l na ci­da­de e 14,2 km/l na es­tra­da abas­te­ci­do com ga­so­li­na. Um ver­da­dei­ro fei­to en­tre os hat­ches mé­di­os.

Pos­ta­do co­mo o bas­tião da re­sis­tên­cia pa­ra quem gos­ta de di­nâ­mi­ca vei­cu­lar, o Golf se va­le da pla­ta­for­ma MQB pa­ra ser o úni­co des­cen­den­te da di­nas­tia “poc­ke­troc­ket” no seg­men­to. Além da ver­são High­li­ne, mu­ni­da de mo­tor 1.4 TSI de 150 cv e 25,5 kgfm de tor­que, ele traz à bai­la o len­dá­rio Golf GTI, que, com 230 cv e 35,7 kgfm de tor­que. Um es­por­ti­vo pro­pon­do com cla­re­za que, ape­sar de con­ver­sar com uma mi­no­ria de con­su­mi­do­res do País, ele me­re­ce, sim, ser res­pei­ta­do.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.