GP de Atle­tis­mo reú­ne 450 cri­an­ças e ado­les­cen­tes

Se­gun­da e úl­ti­ma eta­pa do GP Cai­xa de Atle­tis­mo reú­ne 450 cri­an­ças de na pis­ta da UEL

NOSSODIA - - Primeira Página - (Ed­son Ne­ves/NOSSODIA)

Cer­ca de 450 cri­an­ças de 18 es­co­las par­ti­ci­pa­ram na tar­de de quar­ta-fei­ra (28) da se­gun­da eta­pa do GP Cai­xa de Atle­tis­mo de 2018, re­a­li­za­do na pis­ta de atle­tis­mo da UEL (Uni­ver­si­da­de Es­ta­du­al de Lon­dri­na). Além de Lon­dri­na, es­ti­ve­ram pre­sen­tes alu­nos de ou­tras seis ci­da­des: Ja­ca­re­zi­nho, As­saí, Gran­des Ri­os, Ara­pon­gas, Cam­bé e Cor­né­lio Pro­có­pio. Os com­pe­ti­do­res se di­vi­di­ram nas ca­te­go­ri­as sub14 e sub-16 e re­a­li­za­ram pro­vas de cor­ri­da, ar­re­mes­so de pe­so, sal­to em dis­tân­cia e cor­ri­da de re­sis­tên­cia.

De As­saí (45km de Lon­dri­na), Lu­cas Hi­ro­a­ki vi­a­ja to­da quar­ta-fei­ra pa­ra trei­nar em so­lo pé-ver­me­lho. An­tes atle­ta de fu­te­bol, o me­ni­no de 13 anos aban­do­nou o gra­ma­do e as qua­tro li­nhas pa­ra se aven­tu­rar en­tre as rai­as. “Mi­nha mãe que­ria que não fi­cas­se sem fa­zer na­da e aí pe­guei gos­to pe­lo atle­tis­mo. Quan­do par­ti­ci­pei do meu pri­mei­ro GP, gos­ta­ram de mim e me con­vi­da­ram pa­ra trei­nar aqui. Ago­ra, es­pe­ro fe­de­rar por Lon­dri­na pa­ra co­me­çar a com­pe­tir fo­ra do Es­ta­do”, con­tou. O trei­na­dor de Lu­cas, Nathan Mil­ler da Cos­ta, vê po­ten­ci­al no ga­ro­to de 13 anos. “Pe­la sua cul­tu­ra, gos­ta de com­pe­tir e is­so é im­por­tan­te pa­ra o cres­ci­men­to no es­por­te em to­dos os ní­veis”, com­ple­tou.

En­tre a mul­ti­dão de pe­que­nos atle­tas, tam­bém es­ta­va Je­an da Sil­va, de 14 anos. Es­tu­dan­te do co­lé­gio Cás­sio Lei­te Machado, no jar­dim San­ta Ri­ta (zo­na oes­te), ele com­pe­tia os 60 me­tros ra­sos des­cal­ço. “Eu es­cor­re­go com o tê­nis que eu te­nho. E tam­bém o tê­nis me in­co­mo­da. Na pri­mei­ra vez já com­pe­ti as­sim. Mas ho­je es­tá mui­to quen­te e os meus pés es­tão ar­den­do”, con­fes­sou o ga­ro­to. Pa­ra ele, o atle­tis­mo é uma for­ma de la­zer e so­nho. “Sei que pre­ci­so trei­nar ain­da mais se qui­ser ser um atle­ta de ver­da­de”, re­ve­lou.

O even­to tam­bém re­ser­vou sur­pre­sas a mais um alu­no do Cás­sio Machado. Com TGD (Trans­tor­no Glo­bal de De­sen­vol­vi­men­to), um ti­po de au­tis­mo, Kaio Vi­ni­cius Sa­lus­ti­a­no com­pe­tiu no ar­re­mes­so de pe­so. “Já gos­ta­va an­tes quan­do via na TV, ago­ra gos­to mais ain­da”, dis­se Sa­lus­ti­a­no, que tem 19 anos e es­tá no 9º ano. “Me­lho­rou mui­to o de­sem­pe­nho em sa­la de au­la”, dis­se a co­or­de­na­do­ra pe­da­gó­gi­ca Ire­ne Fru­tu­o­so. “É uma chan­ce de inclusão, mes­mo com o au­tis­mo, e um in­cen­ti­vo pa­ra se des­ta­car”, com­ple­tou a pro­fes­so­ra de Edu­ca­ção Fí­si­ca El­vi­ra Ma­ce­do.

Alu­na do sex­to ano do Co­lé­gio Be­ne­di­ta Ro­sa Re­zen­de, na zo­na les­te, Yas­min da Sil­va de Pau­la foi ter­cei­ro lu­gar no GP de ou­tu­bro. Di­vi­din­do a ener­gia com o han­de­bol, se fos­se pa­ra es­co­lher, Yas­min diz pre­fe­rir as pis­tas. “Sem­pre quis fa­zer (atle­tis­mo). É im­por­tan­te trei­nar pa­ra evo­luir, mas a gen­te tam­bém não po­de dei­xar os es­tu­dos de la­do”, ob­ser­vou.

Or­ga­ni­za­dor do even­to, Gil­ber­to Mi­ran­da la­men­tou que o nú­me­ro de par­ti­ci­pan­tes da se­gun­da eta­pa te­nha si­do me­nor, já que no pri­mei­ro – no fim de ou­tu­bro – reuniu 600 cri­an­ças. “A pri­mei­ra eta­pa de­ve­ria ter acon­te­ci­do em maio, mas de­vi­do à gre­ve trans­fe­ri­mos pa­ra o se­gun­do se­mes­tre. O ca­len­dá­rio fi­cou aper­ta­do e com is­so mui­tos não pu­de­ram vir”, jus­ti­fi­cou. No en­tan­to, o trei­na­dor da equi­pe Lon­dri­na/ Cai­xa/IPEC va­lo­ri­zou os ob­je­ti­vos do even­to. “Tra­zer a mo­da­li­da­de a quem não co­nhe­ce, es­ti­mu­lar a com­pe­ti­ção e am­pli­ar a vi­são de mun­do pa­ra eles, cri­an­do uma no­va pers­pec­ti­va de vi­da”, fi­na­li­zou Mi­ran­da.

Apro­xi­ma­da­men­te 450 cri­an­ças e ado­les­cen­tes par­ti­ci­pa­ram do even­to

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.