Por­to de Pa­ra­na­guá ba­te no­vo re­cor­de

O Diário do Norte do Paraná - - PARANÁ - Agên­cia Estadual pa­ra­[email protected]­a­rio.com

O Por­to de Pa­ra­na­guá aca­ba de ba­ter mais um re­cor­de his­tó­ri­co na movimentação de car­gas. O ter­mi­nal al­can­çou a mar­ca de 52.259.856 de to­ne­la­das mo­vi­men­ta­das, tan­to em ex­por­ta­ção, quan­to im­por­ta­ção. O nú­me­ro de atra­ca­ções de na­vi­os che­gou a 2.292 no pe­río­do de 01 de ja­nei­ro e 28 de de­zem­bro.

En­tre es­ta sex­ta-fei­ra (28) e a pró­xi­ma se­gun­da-fei­ra (31), a ex­pec­ta­ti­va é que o ter­mi­nal atin­ja a mar­ca de 52.650 mi­lhões de to­ne­la­das mo­vi­men­ta- das nos 365 di­as do ano de 2018. O va­lor é qua­se 15% su­pe­ri­or ao re­cor­de re­gis­tra­do em 2013, que foi de 46,1 mi­lhões de to­ne­la­das e su­pe­ra em mais de um mi­lhão de to­ne­la­das o va­lor mo­vi­men­ta­do em 2017.

De acor­do com a Administração dos Por­tos de Pa­ra­na­guá e An­to­ni­na (Ap­pa), o cres­ci­men­to do ter­mi­nal foi pos­sí­vel de­vi­do à sa­fra de grãos – já que Pa­ra­na­guá é um dos prin­ci­pais pon­tos de es­co­a­men­to des­se ti­po de pro­du­to no País - e aos in­ves­ti­men­tos pú­bli­cos e pri­va­dos re­a­li­za­dos pa­ra au­men­tar a efi­ci­ên­cia do por­to pa­ra­na­en­se.

“Es­te de­sem­pe­nho foi pos­sí­vel de­vi­do a me­lho­ria das con­di­ções ope­ra­ci­o­nais do por­to. A efi­ci­ên­cia, com ga­nho de pro­du­ti­vi­da­de, é re­sul­ta­do de in­ves­ti­men­tos pú­bli­cos na or­dem de R$ 964 mi­lhões e ou­tros R$ 3 bi­lhões em apor­tes da ini­ci­a­ti­va pri­va­da”, ex­pli­ca o di­re­tor-pre­si­den­te da Administração dos Por­tos de Pa­ra­na­guá e An­to­ni­na (AP­PA), Lou­ren­ço Fre­go­ne­se. Ao to­do, fo­ram 33,4 mi­lhões de to­ne­la­das de pro­du­tos ex­por­ta­dos e 19 mi­lhões de to­ne­la­das im­por­ta­das, en­tre grãos que fo­ram pa­ra ou­tros paí­ses e fer­ti­li­zan­tes que che­ga­ram pa­ra aten­der as la­vou­ras bra­si­lei­ras.

A so­ja, mais uma vez, foi o car­ro che­fe en­tre os pro­du­tos ex­por­ta­dos por Pa­ra­na­guá, com 15 mi­lhões de to­ne­la­das e re­pre­sen­tan­do 29% do to­tal ex­por­ta­do. Na sequên­cia apa­re­ce o fa­re­lo de so­ja, com 5,4 mi­lhões de to­ne­la­das, o açú­car com 3,3 mi­lhões de to­ne­la­das, os con­ge­la­dos to­ta­li­za­ram 1,8 mi­lhões de to­ne­la­das e a ce­lu­lo­se que re­pre­sen­tou 1,2 mi­lhões de to­ne­la­das. As im­por­ta­ções, que to­ta­li­za­ram 19 mi­lhões de to­ne­la­das, fo­ram ala­van­ca­das pe­lo fer­ti­li­zan­te - pro­du­to de mai­or vo­lu­me que che­ga ao Por­to de Pa­ra­na­guá, com 10 mi­lhões de to­ne­la­das mo­vi­men­ta­das.

— IVANBUENO/AEN

NÚ­ME­RO. Ter­mi­nal al­can­çou 52.259.856 de to­ne­la­das mo­vi­men­ta­das, tan­to em ex­por­ta­ção quan­to im­por­ta­ção.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.