A his­tó­ria de um ur­so robô bra­si­lei­ro

O Diário do Norte do Paraná - - TECNOLOGIA - Da Re­da­ção re­da­[email protected]­a­rio.com

Star­tup de ro­bó­ti­ca que tem um ur­so robô com co­fun­da­dor, ven­de seu 1º lo­te em pré-ven­da e abre la­bo­ra­tó­rio em Bos­ton A Toby­to é uma star­tup bra­si­lei­ra vol­ta­da pa­ra va­ri­a­dos se­to­res so­ci­ais

Con­for­me re­la­tó­rio da Re­se­ar­ch and Mar­kets, há a pre­vi­são que a in­dús­tria ro­bó­ti­ca glo­bal vai ex­pan­dir de US$ 34,1 bi­lhões em 2016 pa­ra US$ 226,2 bi­lhões em 2021, re­pre­sen­tan­do uma ta­xa de cres­ci­men­to anu­al com­pos­ta de 46%.

Toby­to, fa­bri­can­te bra­si­lei­ro do robô pes­so­al, ou me­lhor, de um ur­so robô avan­ça­do, anun­cia que es­tá abrin­do um es­cri­tó­rio em Bos­ton, Mas­sa­chu­setts nos Es­ta­dos Uni­dos. O lo­cal abri­ga­rá o la­bo­ra­tó­rio de ro­bó­ti­ca dos ur­sos na ter­ra do Tio Sam.

“Es­ta­mos su­pe­ra­ni­ma­dos de che­gar on­de a ma­gia da tecnologia ro­bó­ti­ca acon­te­ce. Es­ta­mos vis­lum­bran­do um fu­tu­ro on­de má­qui­nas e pes­so­as ca­mi­nham la­do a la­do” Con­ta Mar­lon Fer­rei­ra, CEO e ide­a­li­za­dor do Toby­to.

A Toby­to é uma star­tup bra­si­lei­ra de ro­bó­ti­ca res­pon­sá­vel pe­lo de­sen­vol­vi­men­to de robôs avan­ça­dos com in­te­li­gên­cia ar­ti­fi­ci­al que po­dem fa­lar, an­dar e pe­gar ob­je­tos. Seu prin­ci­pal robô é um fi­lho­te de ur­so par­do cha­ma­do Toby­to. O ur­so robô e atu­al­men­te co­fun­da­dor e Co-CEO da sua pró­pria star­tup.

O robô pes­so­al foi con­ce­bi­do pa­ra ser seu me­lhor ami­go, fa­zen­do com­pa­nhia pa­ra as pes­so­as e aju­dan­do em ta­re­fas de ca­sa, co­mo: as­sis­ten­te robô, gu­ar­da de se­gu­ran­ça e en­tre­ten­do cri­an­ças.

Robô do­més­ti­co

Toby­to pos­sui seu pró­prio robô, um ur­si­nho de pe­lú­cia robô que in­te­ra­ge com ele por voz. Ele foi pro­je­ta­do pa­ra fa­zer com­pa­nhia e brin­car com o ur­so robô.

Toby­to Po­lar é o ir­mão mais ve­lho do Toby­to. Po­de fa­zer as mes­mas coi­sas que ur­si­nho, po­rém com o di­fe­ren­ci­al de po­der pe­gar ob­je­tos mais pe­sa­dos e car­re­gar pes­so­as. Ele po­de­rá tra­ba­lhar em fá­bri­cas e ar­ma­zéns.

Mi­li­tar

Além do robô pa­ra ca­sa, Toby­to pos­sui uma ver­são mi­li­tar de seus robôs, ex­clu­si­vo pa­ra as for­ças ar­ma­das. Es­tes sol­da­dos ro­bó­ti­cos usam com­po­nen­tes ele­trô­ni­cos mais avan­ça­dos, aces­só­ri­os mi­li­ta­res (co­le­tes, mo­chi­las e ca­pa­ce­tes) têm co­mo mis­são prin­ci­pal, aju­dar a trans­por­tar equi­pa­men­tos mi­li­ta­res e fa­zer re­co­nhe­ci­men­to do cam­po de ba­ta­lha bus­can­do ame­a­ças.

O la­bo­ra­tó­rio de­ve co­me­çar a fun­ci­o­nar no pró­xi­mo tri­mes­tre. E o pro­ces­so de in­ter­na­ci­o­na­li­za­ção do Toby­to só es­tá co­me­çan­do, se­gun­do in­for­ma­do pe­la star­tup, o ur­so robô quer mar­car ter­ri­tó­rio tam­bém no Ja­pão, Chi­na, Co­reia do sul e Ale­ma­nha. Mer­ca­dos es­tes, lí­de­res glo­bais em ven­das de robôs.

Toby­to fa­rá uma ro­da­da de in­ves­ti­men­to nos EUA, pa­ra ser ca­paz de com­prar ou­tros robôs e star­tups de ro­bó­ti­ca e in­te­li­gên­cia ar­ti­fi­ci­al pa­ra ace­le­rar o de­sen­vol­vi­men­to e con­se­quen­te­men­te che­gar mais rá­pi­do aos con­su­mi­do­res e li­de­rar o mer­ca­do. O pri­mei­ro lo­te de robôs do Toby­to, já es­tá to­do pré-ven­di­dos. “Nos­so ur­so robô es­tá pres­tes a sair de sua hi­ber­na­ção, ser seu me­lhor ami­go e mu­dar o mun­do!”, fi­na­li­za Mar­lon. ///Di­no

— DI­NO

AR­TI­FI­CI­AL. O fi­lho­te­robô de ur­so par­do cha­ma­do Toby­to é co­fun­da­dor e Co-CEO da sua pró­pria star­tup.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.