No­vo fa­tor en­tra em vi­gor ama­nhã

O Dia - - ECONOMIA -

NO fa­tor pre­vi­den­ciá­rio, que en­tra­rá em vi­gor dia 1º de de­zem­bro, se­gun­do a Se­cre­ta­ria de Pre­vi­dên­cia, in­ci­de so­men­te no cál­cu­lo do va­lor da apo­sen­ta­do­ri­a­por­tem po­de con­tri­bui­ção. Na apo­sen­ta­do­ria por ida­de ele sóé usa­do quan­doé mais van­ta­jo­so pa­ra o se­gu­ra­do.

O atuá­rio New­ton Conde fez al­gu­mas si­mu­la­ções par amos­trar o im­pac­to do va­lor pre­vi­den­ciá­rio nos be­ne­fí­ci­os.

Um ho­mem de 58 anos, com 35 de con­tri­bui­ção pa­ra o INSS e ren­da de R$ 2 mil, por exem­plo, se fos­se se apo­sen­tar com ta­be­la atu­al ele re­ce­be­ria R$ 1.539,51. Com o no­vo fa­tor, o be­ne­fí­cio fi­ca­ria em R$ 1.526,69, uma que­da de 0,83%.

Já no ca­so de uma mu­lher de 65 anos, 30 de con­tri­bui­ção e ren­da de R$ 5 mil se fos­se re­que­rer o be­ne­fí­cio ago­ra, te­ria uma apo­sen­ta­do­ria de R$ 5.156,68. Na no­va ta­be­la, po­rém, es­se va­lo­ro cai­ria 1,07%, a R$ 5.101,53.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.