INSS tem 4 mi­lhões de pe­di­dos pa­ra­dos

De­nún­ci­as dão con­ta de que nú­me­ro de be­ne­fí­ci­os em atra­so po­de pas­sar de três mi­lhões. INSS ne­ga

O Dia - - FRONT PAGE - MARTHA IMENES [email protected]

Mon­tan­te de 2 mi­lhões de be­ne­fí­ci­os em atra­so, di­vul­ga­do pe­lo ór­gão, não in­clui­ria au­xí­li­o­do­en­ça e pe­di­dos de re­vi­são, en­tre ou­tros, de­nun­ci­am ser­vi­do­res. Fi­la só ten­de a cres­cer.

Oa­tra­so nas con­ces­sões de be­ne­fí­ci­os do INSS pa­re­ce es­tar lon­ge de so­lu­ção. Mes­mo com o anún­cio do go­ver­no de cha­mar mi­li­ta­res e ser­vi­do­res apo­sen­ta­dos pa­ra dar con­ta da gi­gan­tes­ca de­man­da, a es­pe­ra de mi­lha­res de re­que­ri­men­tos “em­pa­ca­dos” na fi­la vir­tu­al não de­ve­rá ser re­vol­vi­da. Fon­tes do INSS ou­vi­das por ODIA, que pe­di­ram ano­ni­ma­to, ava­li­am que as me­di­das não vão aca­bar com o pro­ble­ma e que “so­men­te um mi­la­gre” re­sol­ve­ria o re­pre­sa­men­to agra­va­do pe­la im­plan­ta­ção do INSS Di­gi­tal, que es­tá de­sa­tu­a­li­za­do, de­vi­do à no­vas re­gras pa­ra apo­sen­ta­do­ria apro­va­das há três me­ses com a Re­for­ma da Pre­vi­dên­cia.

E fa­zem um aler­ta: “Os be­ne­fí­ci­os por in­ca­pa­ci­da­de, co­mo au­xí­lio-do­en­ça, por exem­plo, não es­tão nes­sa con­ta de dois mi­lhões de pe­di­dos em atra­so. Se so­ma­rem, o nú­me­ro vai pas­sar, e mui­to, de três mi­lhões”.

O INSS in­for­mou que es­ses be­ne­fí­ci­os es­tão na con­ta dos dois mi­lhões. O que as fon­tes con­tes­tam: “O sis­te­ma que dá o va­lor to­tal de be­ne­fí­ci­os é o Ge­ren­ci­a­dor de Ta­re­fas (GET), ne­le apa­re­ce o re­pre­sa­do. Já o au­xí­lio-do­en­ça es­tá em um ou­tro sis­te­ma, o SABI (Sis­te­ma de Ad­mi­nis­tra­ção de Be­ne­fí­ci­os por In­ca­pa­ci­da­de). E es­ses nú­me­ros não fo­ram com­pu­ta­dos”.

Um ab­sur­do o que o go­ver­no es­tá fa­zen­do com os se­gu­ra­dos do INSS

GUI­LHER­ME POR­TA­NO­VA, ad­vo­ga­do

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.