Man­ches­ter Uni­ted ven­ce 5ª se­gui­da

De Gea tem atu­a­ção de ga­la, fe­cha o gol con­tra o Tot­te­nham e ga­ran­te ou­tra vi­tó­ria após saí­da de Mou­ri­nho

O Estado de S. Paulo - - Esportes - LONDRES

Com atu­a­ção im­pe­cá­vel do go­lei­ro De Gea, to­que de clas­se de Pog­ba e efi­ci­ên­cia de Rash­ford, o Man­ches­ter Uni­ted der­ro­tou o Tot­te­nham on­tem por 1 a 0 em Wem­bley e em­pla­cou uma sé­rie de cin­co vi­tó­ri­as con­se­cu­ti­vas no Cam­pe­o­na­to In­glês e seis por di­fe­ren­tes com­pe­ti­ções.

Após a de­mis­são do téc­ni­co Jo­sé Mou­ri­nho, o Uni­ted se en­con­trou e não per­deu mais. Com o quin­to re­sul­ta­do po­si­ti­vo na sequên­cia, o ti­me do téc­ni­co Solsk­ja­er, que ocu­pa a sex­ta po­si­ção, foi aos 41 pon­tos e en­cos­tou no Ar­se­nal, que tem a mes­ma pon­tu­a­ção, mas apa­re­ce à fren­te por ter sal­do de gols su­pe­ri­or (14 con­tra 12).

Com um re­per­tó­rio am­plo, De Gea pro­ta­go­ni­zou uma das mai­o­res atu­a­ções de um go­lei­ro em uma só par­ti­da nos úl­ti­mos anos: fi­na­li­za­ção de De­le Al­li den­tro da área de­fen­di­da com os pés; des­vio de Al­derwei­reld na pri­mei­ra tra­ve tam­bém blo­que­a­do com os pés; de­fe­sas em ca­be­ceio e pan­ca­da de Ka­ne da en­tra­da da área; ca­be­ceio de De­le Al­li que con­tou com “voo” e plas­ti­ci­da­de pa­ra ser pa­ra­do fo­ram os prin­ci­pais lan­ces do go­lei­ro es­pa­nhol, que saiu nos bra­ços dos com­pa­nhei­ros ao fi­nal da par­ti­da.

Se em­bai­xo das tra­ves De Gea foi mons­tru­o­so, nas qua­tro li­nhas, Pog­ba, mais uma vez, foi o lí­der que a equi­pe ca­re­ceu quan­do es­ta­va sob o co­man­do de Mou­ri­nho, com quem o fran­cês não ti­nha boa re­la­ção e, por is­so, amar­gou mui­tas ve­zes o ban­co de re­ser­vas. Pog­ba to­mou con­ta do meio de cam­po, de mo­do que qua­se to­das as jo­ga­das pas­sa­vam pe­lo seus pés.

O meia fran­cês deu o lan­ça­men­to pa­ra o bo­ni­to gol de Rash­ford, ano­ta­do no fi­nal da pri­mei­ra eta­pa, e qua­se ba­lan­çou as re­des em du­as opor­tu­ni­da­des. Em am­bas pa­rou no go­lei­ro Llo­ris.

Em­ba­la­do pe­los úl­ti­mos re­sul­ta­dos, o Man­ches­ter Uni­ted vol­ta­rá a jo­gar pe­lo In­glês no sá­ba­do, quan­do re­ce­be­rá o Brigh­ton. No dia se­guin­te, o Tot­te­nham vai ten­tar se re­a­bi­li­tar con­tra o Fu­lham, fo­ra de ca­sa.

No ou­tro jo­go de on­tem da ro­da­da, de­pois de du­as der­ro­tas con­se­cu­ti­vas, o Ever­ton so­freu, mas ven­ceu Bour­ne­mouth por 2 a 0, no Go­o­di­son Park.

Com os três pon­tos, foi aos 30 e fi­ca na 10.ª po­si­ção, à fren­te do Bour­ne­mouth, que con­ta­bi­li­za 27 pon­tos e es­tá em 12.º lu­gar.

Os gols do Ever­ton saí­ram no se­gun­do tem­po: um do za­guei­ro fran­cês Zou­ma e ou­tro do ata­can­te in­glês Cal­vert-Lewin, já nos des­con­tos. O ti­me de Li­ver­po­ol vi­nha de uma sé­rie ne­ga­ti­va e ha­via ven­ci­do ape­nas um dos úl­ti­mos oi­to jo­gos no Cam­pe­o­na­to In­glês.

O triun­fo foi con­quis­ta­do com su­or e uma do­se de dra­ma, já que o Ever­ton so­freu pe­ri­go­sas in­ves­ti­das do ti­me vi­si­tan­te, es­pe­ci­al­men­te no pri­mei­ro tem­po, tan­to que o go­lei­ro Pick­ford foi o no­me da par­ti­da na eta­pa ini­ci­al. A tran­qui­li­da­de só veio quan­do a equi­pe ma­tou a par­ti­da em um con­tra-ata­que, já nos acrés­ci­mos. Os ata­can­tes bra­si­lei­ros Ber­nard (ex-Atlé­ti­coMG) e Ri­char­li­son (ex-Flu­mi­nen­se) fo­ram ti­tu­la­res, mas ti­ve­ram atu­a­ção re­gu­lar.

Ale­ma­nha. Com a pa­ra­li­sa­ção no Cam­pe­o­na­to Ale­mão por cau­sa do ri­go­ro­so in­ver­no no país nes­ta épo­ca do ano, o Bayern de Mu­ni­que en­trou em cam­po on­tem pe­la Co­pa Te­le­kom. A equi­pe der­ro­tou o Bo­rus­sia Mön­chen­glad­ba­ch nos pê­nal­tis e fi­cou com o tí­tu­lo da com­pe­ti­ção amis­to­sa que foi dis­pu­ta­da na Al­li­anz Are­na.

O tor­neio acon­te­ceu to­do on­tem, com par­ti­das jo­ga­das em ape­nas um tem­po de 45 mi­nu­tos. O Bayern de Mu­ni­que es­tre­ou com em­pa­te por 0 a 0 com o Düs­sel­dorf, mas ven­ceu nos pê­nal­tis: 8 a 7. Na ou­tra se­mi­fi­nal, o Bo­rus­sia Mön­chen­glad­ba­ch ba­teu o Hertha Ber­lin por 1 a 0.

Na de­ci­são, no­va­men­te o Bayern não con­se­guiu sair do 0 a 0 di­an­te do Mön­chen­glad­ba­ch, e con­se­guiu o triun­fo na dis­pu­ta de pê­nal­tis, ago­ra por 4 a 2.

Ja­mes Ro­drí­guez, Thi­a­go Alcântara, Go­retz­ka e Hum­mels con­ver­te­ram su­as ten­ta­ti­vas e ga­ran­ti­ram a con­quis­ta. Na dis­pu­ta pe­lo ter­cei­ro lu­gar, o Düs­sel­dorf der­ro­tou o Hertha: 3 a 1.

Vi­ce-lí­der do Cam­pe­o­na­to Ale­mão com 36 pon­tos, seis atrás do Bo­rus­sia Dort­mund, o Bayern vol­ta a cam­po pe­la com­pe­ti­ção na pró­xi­ma sex­ta-fei­ra, quan­do en­ca­ra o Hof­fe­nheim, fo­ra de ca­sa.

EDDIE KEOGH/REUTERS

Pa­re­dão. De Gea co­me­mo­ra gran­de atu­a­ção na vi­tó­ria sobre o Tot­te­nham; go­lei­ro es­pa­nhol saiu de cam­po ova­ci­o­na­do pe­los com­pa­nhei­ros

MARIUS BECKER/AFP

Tor­neio amis­to­so. Jo­ga­do­res do Bayern de Mu­ni­que fes­te­jam tí­tu­lo da Co­pa Te­le­kom

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.