Pa­re­cer de­fen­de no­me de Edu­ar­do em em­bai­xa­da

Fei­to a pe­di­do do Se­na­do, do­cu­men­to não vê cri­me de ne­po­tis­mo em in­di­ca­ção do ‘fi­lho 03’ de Bol­so­na­ro pa­ra os EUA

O Estado de S. Paulo - - Política - / PE­DRO PRA­TA e FAUS­TO MA­CE­DO

A Ad­vo­ca­cia do Se­na­do emi­tiu pa­re­cer no qual con­si­de­ra o car­go de che­fe de mis­são di­plo­má­ti­ca per­ma­nen­te co­mo de na­tu­re­za “pre­do­mi­nan­te­men­te po­lí­ti­ca” e, sen­do as­sim, no­me­a­ções pa­ra a área não vi­o­la­ri­am sú­mu­la do Su­pre­mo Tri­bu­nal Fe­de­ral que tra­ta de ne­po­tis­mo no ser­vi­ço pú­bli­co. O do­cu­men­to foi ela­bo­ra­do a pe­di­do da pre­si­dên­cia do Se­na­do, e con­si­de­ra a in­di­ca­ção do de­pu­ta­do Edu­ar­do Bol­so­na­ro (PSL-SP), fi­lho do pre­si­den­te Jair Bol­so­na­ro, pa­ra co­man­dar a em­bai­xa­da do Bra­sil nos Es­ta­dos Uni­dos.

“O car­go de che­fe de mis­são di­plo­má­ti­ca per­ma­nen­te não con­subs­tan­cia um or­di­ná­rio car­go de pro­vi­men­to em co­mis­são, su­jei­to ao juí­zo ex­clu­si­vo de con­fi­an­ça da au­to­ri­da­de no­me­an­te, mas sim de car­go de na­tu­re­za pre­do­mi­nan­te­men­te po­lí­ti­ca, tra­tan­do-se de ato com­ple­xo que en­vol­ve du­as ma­ni­fes­ta­ções de von­ta­de po­lí­ti­ca, ema­na­das das mais al­tas ins­tân­ci­as de­ci­só­ri­as dos Po­de­res Exe­cu­ti­vo e Le­gis­la­ti­vo Fe­de­ral”, diz o do­cu­men­to, subs­cri­to pe­lo ad­vo­ga­do-ge­ral da Ca­sa, Fer­nan­do Cé­sar Cu­nha.

Co­mo o Es­ta­do mos­trou, Edu­ar­do ain­da não ga­ran­tiu os vo­tos ne­ces­sá­ri­os pa­ra ser apro­va­do em vo­ta­ção no ple­ná­rio do Se­na­do. Ele tam­bém não tem o apoio ma­jo­ri­tá­rio na Co­mis­são de Re­la­ções Ex­te­ri­o­res da Ca­sa. Pa­ra par­la­men­ta­res de opo­si­ção, a in­di­ca­ção re­pre­sen­ta­ria ne­po­tis­mo. Edu­ar­do en­fren­ta ain­da crí­ti­cas por não ter ex­pe­ri­ên­cia an­te­ri­or no ser­vi­ço di­plo­má­ti­co.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.