Po­pu­la­ri­da­de de Trump per­ma­ne­ce in­có­lu­me

O Estado de S. Paulo - - Internacio­nal - HELIO GUROVITZ E-MAIL: [email protected] TWIT­TER: @GUROVITZ

O apoio ao im­pe­a­ch­ment do pre­si­den­te ame­ri­ca­no, Do­nald Trump, cres­ceu de­pois que veio à to­na o im­bró­glio en­vol­ven­do ele e o ucra­ni­a­no, Vo­lod­mir Ze­lens­ki. Pe­la pri­mei­ra vez, des­de agos­to de 2018, mais ame­ri­ca­nos apoiam do que re­jei­tam a aber­tu­ra do pro­ces­so pa­ra ti­rar Trump do car­go.

Mas a di­fe­ren­ça é pe­que­na. Se­gun­do a mé­dia do si­te Fi­veThirtyEi­ght, 47% dos ame­ri­ca­nos são fa­vo­rá­veis ao im­pe­a­ch­ment, 45% con­trá­ri­os. A po­la­ri­za­ção par­ti­dá­ria se­pa­ra as opi­niões. En­tre de­mo­cra­tas, o apoio su­biu de 72% pa­ra 79%; en­tre in­de­pen­den­tes, de 34% pa­ra 42%. En­tre re­pu­bli­ca­nos, ape­nas flu­tu­ou de 10% pa­ra 12%. O in­di­ca­dor mais re­le­van­te elei­to­ral­men­te não saiu do lu­gar. A po­pu­la­ri­da­de de Trump man­tém-se em pa­ta­mar idên­ti­co ao an­te­ri­or às de­nún­ci­as. A apro­va­ção do go­ver­no es­tá em 41%, se­gun­do oFi­veThirtyEi­ght, ou 43%, se­gun­do o Re­al Cle­ar Po­li tics.Are­pr ova­ção, pou­co abai­xo de 54%.

Da­das as ca­rac­te­rís­ti­cas elei­to­rais americanas, os números são tão fa­vo­rá­veis à re­e­lei­ção quan­to há um mês ou há um ano. Trump não pre­ci­sa da mai­o­ria dos vo­tos pa­ra ven­cer (Hil­lary Clin­ton te­ve qua­se 2,9 milhões amais e per­deu ). Pre­ci­sa ape­nas ga­nhar nos Es­ta­dos on­de­já ga­nhou em 2016 – e on­de, apa­ren­te­men­te, a po­pu­la­ção lo­cal não tem da­do mui­ta bola ao fa­vor que ele pe­diu a Ze­lens­ki.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.