Wit­zel bus­ca ali­a­dos pa­ra se na­ci­o­na­li­zar

O Estado de S. Paulo - - Política - AL­BER­TO BOMBIG TWIT­TER: @COLUNADOES­TADAO

De olho na can­di­da­tu­ra à Pre­si­dên­cia em 2022, o go­ver­na­dor Wil­son Wit­zel in­ten­si­fi­cou os mo­vi­men­tos pa­ra se na­ci­o­na­li­zar. Bus­ca em quem se apoi­ar ago­ra que sua re­la­ção com o pre­si­den­te Jair Bol­so­na­ro não pas­sa de uma his­tó­ria no pas­sa­do. In­ter­lo­cu­to­res que con­ver­sa­ram com ele nos úl­ti­mos di­as saí­ram com a sen­sa­ção de que o go­ver­na­dor pro­cu­ra um Pau­lo Gu­e­des pa­ra cha­mar de seu — al­guém que, as­sim co­mo o mi­nis­tro da Eco­no­mia fez com Bol­so­na­ro, per­mi­ta que Wit­zel en­tre pe­la por­ta da fren­te nos “gran­des cír­cu­los” do mer­ca­do.

» Co­le­gas. A apos­ta de Wit­zel, po­rém não úni­ca, é o pre­si­den­te da Câ­ma­ra, Ro­dri­go Maia. Em even­to sá­ba­do, Maia fa­lou em apro­xi­ma­ção com o go­ver­na­dor, mas “ain­da de lon­ge”.

» Vem! Aliás, se a fri­tu­ra de Pau­lo Gu­e­des se in­ten­si­fi­car, Wit­zel es­tá de por­tas aber­tas pa­ra o mi­nis­tro.

» Por­tas aber­tas. Wit­zel tam­bém se reu­niu nos úl­ti­mos di­as com o pre­si­den­te do STF, Di­as Tof­fo­li. Trou­xe pa­ra seu go­ver­no o ex-de­pu­ta­do André Mou­ra, que foi lí­der de Mi­chel Te­mer.

» Pa­vi­men­tar… Nas con­tas de Wit­zel, es­tá a ne­ces­si­da­de de sair da con­di­ção de aza­rão que con­quis­tou o Gu­a­na­ba­ra e se co­lo­car co­mo al­ter­na­ti­va ao bol­so­na­ris­mo, mas à di­rei­ta.

» ...ca­mi­nhos. Sua pre­o­cu­pa­ção é de que o PSC, par­ti­do ao qual es­tá fi­li­a­do ho­je, não te­nha a di­men­são da sua pre­ten­são de dis­pu­tar a Pre­si­dên­cia da Re­pú­bli­ca.

» De ven­to... No pri­mei­ro se­mes­tre de 2019, R$ 67,7 bi­lhões de in­ves­ti­men­tos pri­va­dos fo­ram anun­ci­a­dos no Es­ta­do de São Pau­lo, diz a Fun­da­ção Se­a­de, li­ga­da à Se­cre­ta­ria de Go­ver­no.

» ...em po­pa. Com­pa­ra­do ao mes­mo pe­río­do em 2018, os apor­tes cres­ce­ram mais de cin­co ve­zes na in­dús­tria e tri­pli­ca­ram em in­fra­es­tru­tu­ra. É o segundo mai­or va­lor da sé­rie his­tó­ri­ca, ini­ci­a­da em 1998.

» O nó. De­pu­ta­dos se reú­nem ama­nhã pa­ra ten­tar por fim ao im­pas­se en­tre PMs e bom­bei­ros que tra­va a re­for­ma dos mi­li­ta­res. Eles ga­ran­ti­ram a in­te­gra­li­da­de e a pa­ri­da­de, mas ten­tam ti­rar a equi­pa­ra­ção do tem­po de con­tri­bui­ção com as For­ças Ar­ma­das.

» Tu­do... Ro­dri­go Maia já acer­tou com a mi­nis­tra Te­re­za Cris­ti­na a der­ru­ba­da do de­cre­to pre­si­den­ci­al que au­men­tou a co­ta de im­por­ta­ção do ál­co­ol ame­ri­ca­no. Se­rá vo­ta­da ain­da es­te mês.

» ...cer­to. Os dois con­ver­sa­ram em um voo que com­par­ti­lha­ram no iní­cio da se­ma­na pas­sa­da. A mi­nis­tra fa­lou tam­bém com seu con­tra­par­te ame­ri­ca­no, Sonny Per­due, e com Bol­so­na­ro pa­ra ex­pli­car a re­sis­tên­cia do Con­gres­so à me­di­da. » Des­com­pli­ca. Com ba­se em pes­qui­sas de opi­nião, o apli­ca­ti­vo Meu INSS vai ser re­pa­gi­na­do. Cons­ta­tou-se que o usuá­rio não en­ten­dia al­guns ter­mos. “Ex­tra­to pre­vi­den­ciá­rio (CNIS)”, por exem­plo, vai vi­rar “Ex­tra­to de con­tri­bui­ções”.

» Na re­de. Mes­mo as­sim, o pre­si­den­te do INSS, Re­na­to Vi­ei­ra, co­me­mo­ra a di­gi­ta­li­za­ção. Em fe­ve­rei­ro, 82% dos be­ne­fí­ci­os eram pe­di­dos na agên­cia. Em agos­to, o por­cen­tu­al caiu pa­ra 13%. O res­tan­te é so­li­ci­ta­do por apli­ca­ti­vo ou te­le­fo­ne.

» Ha­blas por­tu­guês? Uma ope­ra­do­ra es­pa­nho­la deu cer­te­za ao mi­nis­tro Tar­cí­sio de Frei­tas de que par­ti­ci­pa­rá de um dos se­te lei­lões de ro­do­vi­as em 2020.

COM JU­LI­A­NA BRA­GA

COLUNA DO ESTADÃO

» CLICK. Com dis­cur­so de in­de­pen­dên­cia em re­la­ção ao go­ver­no e de re­no­va­ção de ve­lhas prá­ti­cas, o de­pu­ta­do Ba­leia Ros­si foi con­fir­ma­do co­mo pre­si­den­te do MDB.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.