Fa­ce­bo­ok é te­ma de reu­nião de go­ver­no dos EUA

O Estado de S. Paulo - - Economia Negócios -

Um gru­po de pro­cu­ra­do­res es­ta­du­ais ame­ri­ca­nos, in­cluin­do a pro­cu­ra­do­ra de No­va York, Le­ti­tia Ja­mes, reu­niu-se on­tem com o se­cre­tá­rio de Jus­ti­ça dos Es­ta­dos Uni­dos, Wil­li­am Barr, pa­ra dis­cu­tir uma in­ves­ti­ga­ção go­ver­na­men­tal so­bre o Fa­ce­bo­ok, afir­ma­ram du­as fontes com co­nhe­ci­men­to do as­sun­to à agên­cia de notícias Reuters.

A reu­nião acon­te­ceu após a Reuters publicar em 25 de se­tem­bro que o De­par­ta­men­to de Jus­ti­ça dos EUA vai abrir uma in­ves­ti­ga­ção an­ti­trus­te so­bre o Fa­ce­bo­ok, que já en­fren­ta inqué­ri­tos da Co­mis­são Fe­de­ral de Comércio (FTC, na si­gla em in­glês) e da co­mis­são de jus­ti­ça da Câ­ma­ra dos De­pu­ta­dos.

A in­ves­ti­ga­ção dos pro­cu­ra­do­res es­ta­du­ais so­bre o Fa­ce­bo­ok, anun­ci­a­da em se­tem­bro, es­tá sen­do con­du­zi­da por No­va York e tam­bém in­clui Co­lo­ra­do, Fló­ri­da, Iowa, Ne­bras­ka, Ca­ro­li­na do Nor­te, Ohio, Ten­nes­see e Dis­tri­to de Co­lum­bia.

Re­pre­sen­tan­tes do Fa­ce­bo­ok não co­men­ta­ram o as­sun­to, mas o pre­si­den­te exe­cu­ti­vo da re­de so­ci­al, Mark Zuc­ker­berg, afir­mou na se­ma­na pas­sa­da a fun­ci­o­ná­ri­os es­pe­rar que a em­pre­sa con­si­ga se de­fen­der e evi­tar uma or­dem pa­ra se di­vi­dir em múl­ti­plas em­pre­sas.

Já a pro­cu­ra­do­ra de No­va York afir­mou que in­ves­ti­ga­ções ten­ta­ri­am iden­ti­fi­car as ações do Fa­ce­bo­ok que co­lo­ca­ram em ris­co da­dos de usuá­ri­os, re­du­zi­ram a qua­li­da­de das es­co­lhas dos con­su­mi­do­res ou au­men­ta­ram o cus­to da pu­bli­ci­da­de.

O Fa­ce­bo­ok, con­tro­la­dor do Ins­ta­gram e do WhatsApp, tem ho­je 2,7 bi­lhões de usuá­ri­os men­sais ati­vos e acer­tou em ju­lho o pa­ga­men­to de US$ 5 bi­lhões pa­ra en­cer­rar uma in­ves­ti­ga­ção da FTC so­bre múl­ti­plas vi­o­la­ções de di­rei­tos de pri­va­ci­da­de.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.