Au­ro­ra do To­can­tins

Qual Viagem - - GASTRONOMIA - @le­ve­na­vi­a­gem fa­ce­bo­ok.com/le­ve­na­vi­a­gem le­ve­na­vi­a­gem.com.br Por Lui­sa Ga­li­za

MUI­TAS BE­LE­ZAS ESCONDIDAS

Si­tu­a­da na re­gião Su­des­te do To­can­tins, a 486 km de Bra­sí­lia e a 530 km de Pal­mas. Pa­ra qu­em sai do DF, si­ga sen­ti­do Cha­pa­da dos Ve­a­dei­ros, e pa­ra qu­em sai da ca­pi­tal de To­can­tins, des­ça o es­ta­do pe­la BR 010. A ci­da­de re­ce­beu o no­me de Au­ro­ra por con­ta da Ser­ra Ge­ral que a cir­cun­da, fa­zen­do com que o sol apa­re­ça um pou­co mais tar­de e com uma luz úni­ca. Pa­ra qu­em gos­ta de ex­plo­rar lu­ga­res des­co­nhe­ci­dos, es­se ro­tei­ro é uma di­ca de ou­ro!

RIO AZUIS Con­si­de­ra­do o me­nor rio do país (se­gun­do o Guin­ness Bo­ok) e um dos me­no­res do mun­do, com ex­ten­são de ape­nas 147 me­tros. Uma be­le­za in­des­cri­tí­vel, com água to­tal­men­te cris­ta­li­na, ca­rac­te­rís­ti­ca de mui­tos lo­cais in­crí­veis no To­can­tins. DUNAS As dunas da ci­da­de são in­crí­veis pa­ra ver o pôr do sol.

SERRAS GE­RAIS As serras são ou­tro pon­to for­te da re­gião, e a ci­da­de dos to­tens é uma atra­ção a par­te, com um vi­su­al úni­co da na­tu­re­za ári­da do cer­ra­do bra­si­lei­ro. PRAINHA DO PEQUIZEIRO Ou­tro lu­gar in­crí­vel, que es­con­de po­ços de água azul-tur­que­sa que mui­tos aman­tes do eco­tu­ris­mo nun­ca ou­vi­ram fa­lar.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.