San­ta Te­re­si­nha in­ter­ce­den­do pe­los fiéis

Salmos & Anjos - - News - Consultoria: Mar­cel­lo Si­mon

“Sou de­vo­to de San­ta Rita de Cás­sia, São Fran­cis­co de As­sis e San­ta Te­re­si­nha do Me­ni­no Je­sus. Já re­ce­bi mui­tas gra­ças, mas que­ro re­la­tar em es­pe­ci­al uma con­ce­di­da pe­la in­ter­ces­são de San­ta Te­re­si­nha do Me­ni­no Je­sus. Fiz uma no­ve­na à san­ta pe­din­do uma gra­ça, no ter­cei­ro dia da no­ve­na veio a con­fir­ma­ção: ga­nhei uma ro­sa bran­ca da mi­nha ir­mã, sem ela mes­ma sa­ber que eu es­ta­va fa­zen­do a no­ve­na. Sou mui­to gra­to por es­sa bên­ção!”

Frank da Sil­va So­a­res, Ti­mon, MA Fa­ça vo­cê tam­bém a no­ve­na a San­ta Te­re­si­nha do me­ni­no Je­sus:

Ora­ção para to­dos os di­as: “San­tís­si­ma Trin­da­de, Pai, Fi­lho e Es­pí­ri­to San­to, eu vos agra­de­ço to­dos os fa­vo­res e gra­ças com que en­ri­que­ces­tes a al­ma de vos­sa ser­va, San­ta Te­re­si­nha do Me­ni­no Je­sus, du­ran­te 24

anos em que pas­sou na Ter­ra e, pe­los mé­ri­tos de tão que­ri­da san­ta, con­ce­dei-me a gra­ça que ar­den­te­men­te vos pe­ço (fa­ça o pe­di­do da gra­ça) se for con­for­me a vos­sa san­tís­si­ma von­ta­de e para o bem de mi­nha al­ma. Aju­dai mi­nha fé e mi­nha es­pe­ran­ça, ó San­ta Te­re­si­nha; cum­prin­do mais uma vez vos­sa pro­mes­sa de que nin­guém vos in­vo­ca­ria em vão, fa­zen­do-me ga­nhar uma ro­sa, si­nal de que al­can­ça­rei a gra­ça pe­di­da.” Re­ze 24 ve­zes a ora­ção Gló­ria ao Pai, se­gui­da

da ja­cu­la­tó­ria: “San­ta Te­re­si­nha do Me­ni­no Je­sus, ro­gai por nós”. Para fi­na­li­zar, re­ze um Pai-Nos­so e uma Ave-Ma­ria.

Bên­ção em do­bro

“Con­se­gui dois em­pre­gos e me man­te­nho ne­les há dois anos pe­la in­ter­ces­são de San­to Ex­pe­di­to, San­ta de Edwiges e San­ta Rita de Cás­sia. Nun­ca per­cam a fé pois Deus tem um pro­pó­si­to para ca­da um.”

Fran­cis­le­ne, Lon­dri­na, PR Ore para re­ce­ber a pro­te­ção di­vi­na no tra­ba­lho:

“Se­nhor Je­sus Cris­to, vós, sen­do Deus, qui­ses­tes as­su­mir nos­sa hu­ma­ni­da­de para que nós fos­se­mos sal­vos. Aju­das­tes São José nos ser­vi­ços de car­pin­ta­ria. Des­te mo­do, mos­tras­tes a nós a im­por­tân­cia do ser­vi­ço para se ga­nhar o sus­ten­to diá­rio. Da mes­ma ma­nei­ra, ins­pi­ra-nos com sa­be­do­ria para que pos­sa­mos fa­zer um tra­ba­lho dig­no e ser­mos si­nais de vos­sa pre­sen­ça, den­tro do am­bi­en­te de nos­so tra­ba­lho. Dai-nos a gra­ça de con­tar­mos com um ser­vi­ço du­ra­dou­ro e es­tá­vel, bons co­le­gas e uma ex­ce­len­te opor­tu­ni­da­de de cres­ci­men­to den­tro de nos­sos car­gos. Der­ra­mai vos­sas bên­çãos para que fa­ça­mos um tra­ba­lho dig­no, ho­nes­to, éti­co e in­te­li­gen­te. Ca­pa­ci­tai-nos para que sem­pre se­ja­mos por­ta­do­res de vos­sa paz e de vos­sa mi­se­ri­cór­dia em nos­so em­pre­go. Por úl­ti­mo, vos pe­di­mos que não nos fal­te o pão de ca­da dia. As­sim se­ja!”

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.