OlÁ, ca­chos!

o que Ho­ra de des­co­brir é é ver­da­de e o que cur­vas mi­to so­bre su­as

Todateen - - RESPONDE AÍ - Schwarz­kopf Con­sul­to­ria: • Stein Ferreira Pé­ro­la Bruna De­sign: Tex­to: • Pro­fes­si­o­nal •

Nós sa­be­mos que nem sem­pre os ca­chos fo­ram va­lo­ri­za­dos e, por mui­to tempo, fo­ram os ca­be­los li­sos que rei­na­ram. Mas, ago­ra que os fi­os en­ro­la­dos as­su­mi­ram seu rei­na­do, che­gou a ho­ra de sa­ber mais so­bre eles. Vem ver o que é mi­to e o que é ver­da­de so­bre os ca­chos!

Cor­tar o ca­be­lo faz per­der os ca­chos?

Mi­to. Cor­tar o ca­be­lo faz com que vo­cê mu­de a for­ma de­le, não a tex­tu­ra. Mas exis­tem al­guns fa­to­res que po­dem al­te­rar a tex­tu­ra do seu ca­be­lo: “do­en­ças, es­tres­se, dis­túr­bi­os hor­mo­nais e pro­du­tos quí­mi­cos”, ex­pli­ca a Schwarz­kopf Pro­fes­si­o­nal. Quan­do cor­ta­mos o ca­be­lo, a im­pres­são que dá é de que os ca­chos mu­da­ram, mas eles vol­ta­rão ao nor­mal as­sim que o ca­be­lo cres­cer.

Ca­be­lo ca­che­a­do = ca­be­lo da­ni­fi­ca­do

Mi­to. Por con­ta de sua es­tru­tu­ra, os ca­be­los ca­che­a­dos po­dem fi­car mais se­cos ou que­bra­di­ços. Mas, as­sim co­mo em qual­quer ou­tro ti­po de fio, is­so po­de pi­o­rar com a aju­da de pro­ces­sos quí­mi­cos em ex­ces­so ou atra­vés do uso er­ra­do de pro­du­tos. “Pa­ra evi­tar que is­so acon­te­ça, é pre­ci­so usar os pro­du­tos cor­re­tos pa­ra os seus ca­chos e uti­li­zar téc­ni­cas de se­ca­gem

es­pe­cí­fi­cas”, in­di­ca Schwarz­kopf Pro­fes­si­o­nal.

Evi­te sem­pre xam­pus tra­di­ci­o­nais

Mi­to fe­at. ver­da­de. Usá-los não é um pro­ble­ma mui­to gran­de, mi­ga. Mas, se­gun­do a Schwarz­kopt Pro­fes­si­o­nal, os xam­pus tra­di­ci­o­nais po­dem aca­bar re­mo­ven­do mais óle­os na­tu­rais do que é ne­ces­sá­rio pa­ra o ca­be­lo ca­che­a­do – por con­ta do sul­fa­to. A di­ca é in­ves­tir em pro­du­tos que não con­te­nham es­se in­gre­di­en­te.

Pen­te­a­dos po­dem cau­sar que­da de ca­be­lo

Mi­to fe­at. ver­da­de. Al­gu­mas pes­so­as acre­di­tam que al­guns pen­te­a­dos, co­mo as tran­ças, po­dem cau­sar que­da. Mas a ver­da­de é que “as tran­ças por si só não cau­sam que­da. Elas são, in­clu­si­ve, uti­li­za­das co­mo um pen­te­a­do pre­ven­ti­vo con­tra a que­bra dos fi­os”, ex­pli­ca a mar­ca. O pro­ble­ma é se as tran­ças es­ti­ve­rem mui­to aper­ta­das ou fo­rem usa­das por mui­to tempo“. É im­por­tan­te não as aper­tar de­mais, além de tra­tar o cou­ro ca­be­lu­do com re­gu­la­ri­da­de e dei­xar o ca­be­lo sol­to de vez em quan­do”, in­di­ca a Schwarz­kopt.

La­var sem­pre po­de res­se­car

Mi­to. Na­da a ver is­so aí, mi­ga! Até por­que, la­var o ca­be­lo com xam­pu até três ve­zes na se­ma­na é bom pa­ra os ca­chos. Afi­nal, o xam­pu aju­da a lim­par o cou­ro ca­be­lu­do e os de re­sí­du­os de pro­du­tos que po­dem di­fi­cul­tar o cres­ci­men­to do ca­be­lo e aca­bar ge­ran­do da­nos aos fi­os – além de aju­dar a man­ter os óle­os na­tu­rais do cou­ro ca­be­lu­do, que aju­dam a hi­dra­tar os fi­os, dei­xan­do-os se­do­sos!

Fi­que lon­ge da es­co­va!

Mi­to fe­at. Ver­da­de. A ver­da­de é que tu­do de­pen­de do ti­po de es­co­va que vo­cê irá usar. Ela pre­ci­sa ser ma­cia, ok? Mas, pa­ra de­sem­ba­ra­çar o ca­be­lo mo­lha­do, o in­di­ca­do é usar um pen­te com den­tes lar­gos e, quan­do es­ti­ver se­co, mol­de no­va­men­te o ca­be­lo com as mãos.

Agi­tar o se­ca­dor de ca­be­lo pre­vi­ne o su­pe­ra­que­ci­men­to?

Mi­to. A maioria das pes­so­as acre­di­ta que agi­tar os se­ca­do­res aju­da a pre­ve­nir o su­pe­ra­que­ci­men­to do ca­be­lo. Po­rém, “o me­lhor pa­ra evi­tar os da­nos é se­gu­rá-lo a uma dis­tân­cia mínima de 20cm e não apon­tar o se­ca­dor na mes­ma di­re­ção por mais de al­guns se­gun­dos”. in­di­ca a mar­ca.

Ca­be­lo ca­che­a­do nun­ca É ole­o­so

Mi­to fe­at. ver­da­de. Mi­ga, a tex­tu­ra do fio não im­pe­de a ole­o­si­da­de do cou­ro ca­be­lu­do. “O que acon­te­ce é que os óle­os na­tu­rais pro­du­zi­dos pe­lo cou­ro de um ca­be­lo ca­che­a­do não são ca­pa­zes de che­gar à has­te ca­pi­lar, o que faz com que pa­re­ça que elas nun­ca têm ca­be­lo ole­o­so”, ex­pli­ca a Schwarz­kopt.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.