Car­ga de ener­gia cres­ce com re­to­ma­da econô­mi­ca

Valor Econômico - - BRASIL - Ro­dri­go Po­li­to

A car­ga de ener­gia (con­su­mo mais per­das) no Sis­te­ma In­ter­li­ga­do Na­ci­o­nal (SIN) to­ta­li­zou 70.414 me­gawatts (MW) mé­di­os em mar­ço, com al­ta de 2% em re­la­ção a igual pe­río­do de 2017, de acor­do com da­dos di­vul­ga­dos pe­lo Ope­ra­dor Na­ci­o­nal do Sis­te­ma Elé­tri­co (ONS). Em re­la­ção a fe­ve­rei­ro des­te ano, o re­sul­ta­do foi um au­men­to de 2,7% da car­ga. No acu­mu­la­do dos úl­ti­mos 12 me­ses ter­mi­na­dos em mar­ço, a car­ga cres­ceu 0,6% an­te igual pe­río­do an­te­ri­or.

“O com­por­ta­men­to da car­ga de ener­gia é afe­ta­do di­re­ta­men­te pe­lo de­sem­pe­nho da eco­no­mia, que vem man­ten­do uma tra­je­tó­ria de re­cu­pe­ra­ção, ain­da que mo­des­ta”, ex­pli­cou o ONS, no bo­le­tim de car­ga men­sal de mar­ço.

Con­si­de­ran­do a car­ga ajus­ta­da que ex­clui fa­to­res for­tui­tos, não econô­mi­cos e o efei­to “ca­len­dá­rio” — o cres­ci­men­to do con­su­mo em mar­ço foi de 1,2% em re­la­ção a igual pe­río­do do ano an­te­ri­or.

Com re­la­ção ao sub­sis­te­ma Su­des­te/Cen­tro-Oes­te, o mai­or do país em con­su­mo de ener­gia, a car­ga ve­ri­fi­ca­da em mar­ço cres­ceu 3,1% an­te igual pe­río­do do ano an­te­ri­or, to­ta­li­zan­do 41.793 MW mé­di­os. Se­gun­do o ope­ra­dor, o re­sul­ta­do se de­ve à me­lho­ra de al­guns in­di­ca­do­res da eco­no­mia e à ocor­rên­cia de tem­pe­ra­tu­ras su­pe­ri­o­res às de mar­ço do ano pas­sa­do.

Na re­gião Sul, a car­ga re­gis­trou li­gei­ro au­men­to, de 0,7%, na mes­ma com­pa­ra­ção, al­can­çan­do 12.091 MW mé­di­os em mar­ço des­te ano. No Nor­des­te, a car­ga apre­sen­tou queda de 0,8%, to­ta­li­zan­do 10.899 MW mé­di­os no ter­cei­ro mês de 2018. A queda da car­ga no Nor­des­te, ex­pli­cou o ONS, foi mo­ti­va­da pe­la re­du­ção tem­po­rá­ria do con­su­mo de um con­su­mi­dor in­dus­tri­al da re­gião.

No Nor­te, a car­ga em mar­ço foi de 5.632 MW mé­di­os, com al­ta de 2,4% em com­pa­ra­ção com igual pe­río­do de 2017. O de­sem­pe­nho fa­vo­rá­vel de­ve-se ao com­por­ta­men­to de con­su­mo de gran­des in­dús­tri­as da re­gião, que res­pon­dem por 30% da car­ga do sub­sis­te­ma Nor­te.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.