Trump pres­si­o­na Mer­kel a de­sis­tir de gás rus­so

Valor Econômico - - INTERNACIONAL - Bo­jan Pan­cevs­ki

O pre­si­den­te dos EUA, Do­nald Trump, es­tá pres­si­o­nan­do a Ale­ma­nha pa­ra que de­sis­ta de ne­gó­ci­os com a Rús­sia no se­tor de gás, co­mo pre­ço a pa­gar pa­ra evi­tar uma guer­ra co­mer­ci­al en­tre EUA e União Eu­ro­peia, se­gun­do au­to­ri­da­des ame­ri­ca­nas e eu­ro­pei­as.

Se­gun­do es­sas fon­tes, Trump dis­se em abril à pre­miê ale­mã, An­ge­la Mer­kel, que a Ale­ma­nha de­ve­ria aban­do­nar o Nord Stre­am 2, um ga­so­du­to que vai tra­zer gás di­re­ta­men­te da Rús­sia, atra­vés do mar Bál­ti­co. Is­so ocor­re­ria em tro­ca de os EUA ini­ci­a­rem ne­go­ci­a­ções com a União Eu­ro­peia (UE) so­bre um no­vo acor­do co­mer­ci­al.

A pres­são da Ca­sa Bran­ca re­fle­te as tá­ti­cas du­ras que vêm sen­do usa­das pe­los EUA na es­fe­ra co­mer­ci­al, em ati­tu­des que con­tri­buí­ram pa­ra o au­men­to das ten­sões en­tre a Eu­ro­pa e os EUA e in­ten­si­fi­ca­ram o te­mor de que ta­ri­fas olho por olho po­de­ri­am ser im­pos­tas à in­dús­tria au­to­mo­bi­lís­ti­ca ale­mã.

“Do­nald Trump é um ne­go­ci­a­dor de con­tra­tos... Há um acor­do a ser fei­to se al­guém [na Ale­ma­nha] se le­van­tar e dis­ser ‘aju­de-nos a pro­te­ger um pou­co mais nos­sa in­dús­tria au­to­mo­bi­lís­ti­ca, por­que so­mos óti­mos nis­so, e en­tão va­mos aju­dá-los no Nord Stre­am 2’”, dis­se uma au­to­ri­da­de ame­ri­ca­na.

Washing­ton se opõe ao ga­so­du­to por­que ele tor­na­ria a Ucrâ­nia — atu­al­men­te a prin­ci­pal rota de trân­si­to do gás rus­so pa­ra o Oci­den­te — e ou­tros ali­a­dos dos EUA na UE mais vul­ne­rá­veis a pres­sões rus­sas. Au­to­ri­da­des ale­mãs di­zem que os EUA tam­bém es­tão in­te­res­sa­dos em subs­ti­tuir a Rús­sia co­mo for­ne­ce­dor de gás pa­ra a Eu­ro­pa.

“Trump qu­er blo­que­ar o Nord Stre­am 2 pa­ra ven­der gás li­que­fei­to pa­ra a Eu­ro­pa via Ale­ma­nha. Es­ta­mos aber­tos a is­so, mas a ques­tão é que vo­lu­mes os ame­ri­ca­nos po­dem for­ne­cer e a que pre­ço”, afir­mou um fun­ci­o­ná­rio ale­mão.

Em­bo­ra Mer­kel não te­nha aban­do­na­do seu in­te­res­se no ga­so­du­to, ela dis­se on­tem que a UE ha­via con­cor­da­do, na cú­pu­la da vés­pe­ra, em ofe­re­cer “cooperação mais es­trei­ta” no ter­re­no do gás, em tro­ca de isen­ção per­ma­nen­te às ta­ri­fas ame­ri­ca­nas ao aço e alu­mí­nio.

Trump vem pres­si­o­nan­do por me­lhor aces­so de em­pre­sas ame­ri­ca­nas ao mer­ca­do da UE. Se a UE não se dis­pu­ser a aco­mo­dar as quei­xas de Trump, os EUA vão apli­car à Eu­ro­pa ta­ri­fas pu­ni­ti­vas so­bre o aço e o alu­mí­nio a par­tir de 1o de ju­nho. A UE pro­me­teu ado­tar ta­ri­fas re­ta­li­a­tó­ri­as.

Um fun­ci­o­ná­rio da Ca­sa Bran­ca dis­se que Trump dis­cu­tiu o ga­so­du­to e as ta­ri­fas com a pre­miê ale­mã du­ran­te seus en­con­tros, mas nun­ca vin­cu­lou di­re­ta­men­te as du­as ques­tões. “São dois as­sun­tos in­de­pen­den­tes”, dis­se.

Trump cri­ti­cou pu­bli­ca­men­te o ga­so­du­to Nord Stre­am 2, ten­do di­to, du­ran­te uma reu­nião com che­fes de Es­ta­dos bál­ti­cos na Ca­sa Bran­ca, nes­te ano, que “a Ale­ma­nha qu­er se co­nec­tar por um ga­so­du­to à Rús­sia, que a Ale­ma­nha vai pa­gar à Rús­sia bi­lhões de dó­la­res por ener­gia... Is­so não es­tá cer­to.”

Su­ces­si­vos governos ame­ri­ca­nos pres­si­o­na­ram a Eu­ro­pa, e a Ale­ma­nha em par­ti­cu­lar, a cri­ar a in­fra­es­tru­tu­ra ne­ces­sá­ria pa­ra re­ce­ber os em­bar­ques de gás na­tu­ral dos EUA — uma fon­te po­ten­ci­al de gran­de re­cei­ta num mer­ca­do de ener­gia ca­da vez mai­or.

O gás li­que­fei­to dos EUA pre­ci­sa ser trans­por­ta­do de na­vio pe­lo oce­a­no Atlân­ti­co e se­ria con­si­de­ra­vel­men­te mais ca­ro do que o gás rus­so en­tre­gue via ga­so­du­to. Um al­to fun­ci­o­ná­rio da UE que tra­ba­lha com re­gu­la­men­ta­ção no se­tor de ener­gia dis­se que o gás rus­so se­ria ao me­nos 20% mais ba­ra­to.

O Nord Stre­am 2 cons­ti­tui a se­gun­da fa­se de um ga­so­du­to exis­ten­te que já trans­por­ta um vo­lu­me me­nor de gás rus­so pa­ra a Ale­ma­nha. A cons­tru­ção da se­gun­da fa­se co­me­çou nes­ta se­ma­na na Ale­ma­nha, de­pois que in­ves­ti­do­res com­pro­me­te­ram € 5 bi­lhões (US$ 5,9 bi­lhões) com o em­pre­en­di­men­to.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.